Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
ÍCONE DA TV

De volta à TV após 8 anos, Charlie Sheen vive Charlie Sheen em nova série

Batizada de Ramble On, a comédia dramática já está com o primeiro episódio gravado

Publicado em 03/03/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

O ator Charlie Sheen está de volta como protagonista de uma série após oito anos. O comediante famoso interpreta ele mesmo em Ramble On, comédia dramática que já teve o piloto (primeiro episódio) concluído. Ele atua ao lado de Kevin Connolly e Kevin Dillon, dupla conhecida por Entourage (2004-2011).

Connolly e Dillon também vão viver a si mesmos na atração. A premissa de Ramble On é mostrar um grupo de celebridades veteranas de Hollywood procurando se reinventar na indústria do entretenimento, enquanto uma avalanche de jovens talentos brigam por um espaço próprio.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Martin Sheen, pai de Charlie, também aparece na série, assim como outros nomes tipo Kimiko Glenn, Bre-Z, John C. McGinley, Jamie-Lynn Sigler, Zulay Henao, Mark Cuban, James Hiroyuki Liao, Harvey Guillén, Ana Ortiz, Sara Sanderson, Mikaela Hoover e Adam Waheed.

Ramble On ainda não tem nenhuma vitrine de exibição. Com o piloto em mãos, os produtores vão bater na porta de estúdios hollywoodianos, canais e streamings, procurando interessados. Não está descartada a possibilidade de uma distribuição da série de forma independente, segundo informações do site Deadline.

Maior salário da TV

A última série protagonizada por Charlie Sheen foi Anger Management (Tratamento de Choque, 2012-2014), comédia na qual vivia o personagem chamado Charles “Charlie” Goodson, ex-jogador de beisebol que virou um terapeuta.

Essa atração veio logo após a saída conturbada dele de Two and a Half Men (Dois Homens e Meio, 2003-2015), série que o catapultou em Hollywood, vivendo um músico beberrão, rico e mulherengo, igualmente chamado de Charlie. Qualquer semelhança com a realidade era coincidência…

Por Two and a Half Men, Charlie Sheen alcançou um feito histórico entre os anos de 2010 e 2011, o de maior salário por episódio de todos os tempos da TV americana: US$ 1,8 milhão. A comédia era sucesso absoluto de audiência, nos Estados Unidos e em todo o mundo. 

Desde 2019, o recorde de maior salário da TV pertence à dupla Jennifer Aniston e Reese Witherspoon, protagonistas de The Morning Show, drama do Apple TV+. Cada uma recebeu US$ 2 milhões por episódio pelas duas primeiras temporadas (20 capítulos no total).


Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....