Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
CARREIRA POLÍTICA

This Is Us projeta Randall na Presidência dos EUA; saiba como

Drama dá dicas sobre os próximos passos do atual vereador

Publicado em 31/03/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Com o décimo episódio da sexta temporada, já disponível no Star+, This Is Us encerrou a trilogia de capítulos dedicados aos irmãos Persons. Quem passou a régua foi Randall (Sterling K. Brown), e o drama chororô projetou um futuro político grandioso e incrível para o atual vereador de Filadélfia: a Presidência dos Estados Unidos. A série prepara esse caminho há tempos, que pode não necessariamente terminar na Casa Branca, a sede do governo americano.

Em Every Version of You, o capítulo da semana de This Is Us, Randall abriu o jogo para a mãe, Rebecca (Mandy Moore), sobre a possibilidade real de ele se candidatar a uma vaga no Senado, representando o estado da Pensilvânia. Isso porque um político atualmente com uma das cadeiras em Washington vai se aposentar e procura um substituto.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Randall tem um motor dentro de si que o faz ajudar as pessoas ao redor custe o que custar. A chance de fazer isso em uma plataforma maior é naturalmente instigante. Mas ele sente receio de investir nessa campanha de grandes proporções, por não ter perfil de político com alcance nacional, como ele próprio analisa.

A questão é que mesmo comendo pelas beiradas, na timidez, Randall semeia o terreno de aspirações políticas maiores. Na conversa com a mãe, ele contou o propósito do artigo de revista que ela leu e guardou, sobre cinco curiosidades da vida do vereador; aquilo faz parte de uma estratégia mais ampla.

Essa entrevista teve o objetivo claro de humanizar o político novato perante o eleitor, que chamou a atenção na primeira eleição da carreira e se destacou por liderar ações voltadas ao social. Para a revista, ele revelou preferências de bebidas, deu dicas de leitura…

O marido de Beth (Susan Kelechi Watson) tem uma certeza: se topar se candidatar ao senado, ele vai ganhar a eleição. Ele disse para Rebecca: “Se eu ganhar, nem imagino onde isso vai parar”. A matriarca dos Pearsons respondeu: “Eu posso, eu vejo claramente.”

Artigo da revista The New Yorker sobre Randall

Presidência e o futuro

As cenas do futuro de This Is Us (flashforwards) dão boas dicas sobre o destino de Randall na política. Durante o segundo casamento de Kate (Chrissy Metz), aparece uma página de perfil escrito sobre Randall na prestigiada revista The New Yorker. 

O título é Estrela em ascensão. E a legenda da foto estampa: Randall Pearson tem um plano. Isso se passa cinco anos no futuro; a eleição ao Senado ocorrerá no próximo ano, pelo ponto de vista da narrativa do presente.

No passado, quando era universitário e correu risco de ser fichado por invasão de propriedade, Randall conversou com o policial para convencê-lo de não levá-lo preso (ele estava acompanhado dos irmãos: tinham entrado no clube que frequentavam quando criança).

O jovem disse que não poderia ter ficha suja, pois desejava ser presidente dos EUA. Os roteiristas de This Is Us projetaram esse e tantos outros destinos possíveis para Randall dentro da política e, segundo eles, optaram pela melhor versão.

Randall não está cercado de seguranças do Serviço Secreto quando aparece nas cenas do futuro (ao menos This Is Us não mostrou isso até agora, para guardar segredo). Se for presidente, ele não circularia sem proteção pesada; e mesmo se for senador. A não ser que o cargo político seja de outro nível. ⬩

____

Conheça a página de séries do Observatório da TV

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....