Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
BASTIDORES

Caixões de Round 6 têm conexão com grupo de K-pop; entenda o significado

O criador e a diretora de arte da série sul-coreana explicaram o sentido da caixa de presente preta

Publicado em 03/10/2021
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

As seis brincadeiras infantis de Round 6 (Netflix) culminam em um final macabro para os eliminados: a morte. E mais, os perdedores entram em um caixão e são incinerados, nada de enterro digno. Esse rito tem uma justificativa que conecta com um grupo famoso de K-pop, como explicou o criador da série sul-coreana, ao lado da diretora de arte da produção.

O cineasta Hwang Dong-hyuk, a mente por trás de Round 6, e a diretora Chae Kyung-sun deram uma entrevista para a Netflix coreana revelando detalhes de como o drama sensação mundial foi feito. Os caixões têm uma particularidade bem interessante.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Caixão de Round 6 a caminho do incinerador (Reprodução/Netflix)

Um presente dos mortos para os vivos

Os jogadores da competição, assim como os telespectadores, ficaram atônitos ao ver um caixote retangular preto com uma fita rosa em volta, no quarto episódio. O objeto vinha com um lacinho na tampa como se fosse um embrulho de presente.

No caso, os funcionários do jogo entraram no alojamento dos participantes para pegar o corpo do jogador 271, morto pelo 101, o Jang Deok-su (interpretado por Heo Sung-tae).

Chae Kyung-sun, a diretora de arte de Round 6, respondeu uma pergunta sobre o significado dos caixões, que depois eram incinerados com uma pessoa sem vida dentro. 

Eu pensei com a mente do idealizador do jogo, como se ele se sentisse um deus e estivesse dando uma chance aos competidores sobreviventes“, falou a diretora. Segundo ela, o aspecto de presente do caixão foi criado propositadamente.

Ainda usando o processo de raciocinar como o inventor do jogo, Chae argumentou falando como se fosse ele: “‘Esse é o meu presente para vocês [jogadores]. Mesmo seus corpos sendo incinerados, isso aqui é a minha demonstração de misericórdia‘”. Afinal, cada participante eliminado enchia o cofre da premiação, 100 milhões de wones (R$ 457.993,68) por vez.

O laço, segundo Chae, foi inserido para deixar claro que aquilo era um presente para os jogadores vivos. Já as cores do caixão foram ideia do criador Hwang, inspiradas no grupo de K-pop Blackpink

As cores principais dos operários mascarados são preto e vermelho rosado. Então, eu copiei essa mesmo combinação no caixão, que é preto com o laço rosa. Como o grupo Blackpink”, explicou o cineasta. Em inglês, preto é black e rosa, pink.


Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....