Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
BACANAL

Herogasm: com mais de 40 pessoas nuas, orgia de The Boys durou cinco dias

Aguardado episódio exibiu todo tipo imaginável (e inimaginável) de sexo

Publicado em 26/06/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

O aguardado surubão de The Boys, exibido em toda plenitude no episódio Herogasm (Supersuruba), não foi mole de ser feito. Gravado em plena pandemia, a orgia insana durou nada menos do que cinco dias. O bacanal contou com mais de 40 pessoas nuas simulando todo tipo imaginável (e inimaginável) de sexo, sempre com coordenadores de intimidade por perto para fiscalizar os atos.

Esses e outros detalhes foram compartilhados por Eric Kripke, showrunner de The Boys, em entrevista ao site Entertainment Weekly. As revelações fazem parte do mecanismo eficiente aplicado pelo Prime Video com The Boys, especialmente relacionado a esse episódio, esperado desde que a série estreou na plataforma.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Em Herogasm, o público conheceu o surubão anual no qual supers de terceira categoria se encontram para “afogar o ganso”, fazendo todo tipo de safadeza com profissionais do sexo

Lá rolou de tudo mesmo: dildo voador, dildo gigante de gelo, pênis em chamas, mamilos que dão choque, pênis que estica, o herói Cupim (Brett Geddes) saindo de uma vagina todo melecado, fetiche com polvo (tara do Profundo), fluídos corporais jorrando e respingando… E não podia faltar a salsicha do amor, claro.

Baseada em Toronto (Canadá), a produção de The Boys entrou de cabeça em Herogasm, dando ao episódio um tratamento especial. Houve preocupação extra com as condições sanitárias porque as gravações das cenas, em 2021, foram feitas sob o protocolo restrito contra a Covid-19, que entre outras coisas delineava diretrizes sobre cenas com muitas pessoas no set (só não podia confundir álcool em gel com lubrificante…)

Erin Moriarty em The Boys; única reação possível após ver o Herogasm

Verdadeira suruba

The Boys conseguiu reunir mais de 40 pessoas completamente peladas, andando de lá para cá mostrando tudo para as câmeras, sem inibição. Duas ou mais pessoas simulavam atos sexuais espalhadas pelo set, em posições variadas. 

Sem mencionar um número exato, Kripke confirmou que vários coordenadores de intimidade estiveram nas gravações para assegurar que os atores e figurantes estivessem confortáveis com o que estavam fazendo, sempre se comportando dentro da cartilha pré-determinada. Esses profissionais, novos em Hollywood, hoje são fundamentais em qualquer cena de sexo nas séries.

Kripke disse que “foi um campo minado” fazer o Herogasm porque “muita coisa poderia dar errado”. No final, tudo funcionou perfeitamente, com o carimbo da Amazon, dona do Prime Video.

Desde a estreia, havia a expectativa de quando o Hergoasm seria produzido na TV, momento icônico da HQ na qual a série de heróis se baseia. “Era impossível fazermos isso no primeiro ano”, contou o showrunner. Após duas temporadas sólidas, e uma indicação ao Emmy de melhor drama, The Boys ganhou crédito.

Ele compartilhou qual foi a reação da Amazon ao ouvir pela primeira vez a proposta de fazer o Herogasm na terceira temporada. “Eles já esperavam por isso”, revelou. “A reação foi tipo: ‘Nós sabíamos que isso aconteceria antes cedo do que tarde. Vai lá e faça.’”

A terceira temporada de The Boys está na reta final, restando dois episódios. Capítulos inéditos entram no Prime Video sempre às sextas. ⬩

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....