Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
JOGADA DE MARKETING

Para driblar crise, empresa ressuscita personagem morto de And Just Like That

Fabricante de bicicletas ergométricas, a Peloton perdeu valor de mercado após aparecer na série da HBO Max

Publicado em 13/12/2021
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Cercada de polêmicas, a série And Just Like That…, revival de Sex and the City (1998-2004) matou um personagem logo na estreia e gerou uma crise financeira na empresa Peloton, especializada na fabricação de bicicletas ergométricas. Para contornar a imagem arranhada, a companhia fez uma ressurreição em uma propaganda bem-humorada. O resultado foi positivo -e hilário.

[Atenção: spoilers a seguir]
No primeiro episódio de And Just Like That…, Mr. Big (Chris Noth) sofreu um ataque cardíaco após pedalar durante 45 minutos em uma das bicicletas moderníssimas da Peloton. Logo, se pressupôs que uma carga intensa no equipamento poderia causar tal fatalidade. Quando, na verdade, o motivo da morte súbita foi outro.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Mesmo assim, a Peloton perdeu valor de mercado, pois as ações na Bolsa de Valores de Nova York despencaram 11%. A primeira cartada da empresa consistiu em deixar claro que a bicicleta nada teve a ver com a tragédia.

“Mr. Big viveu o que muitos chamam de um estilo de vida extravagante, incluindo coquetéis, charutos e ingestão de muita carne vermelha”, falou a médica Suzanne Steinbaum, cardiologista ligada à Peloton, em nota divulgada à imprensa na semana passada. “Ele corria sério risco, ainda mais por ter tido um evento cardíaco anterior, na sexta temporada [de Sex and the City].” 

“Essas escolhas de estilo de vida e talvez até mesmo a história familiar, que muitas vezes é um fator significativo, foram a causa provável da morte. Pedalar na bicicleta Peloton pode até tê-lo ajudado a retardar o ataque cardíaco”, concluiu.

Mr. Big ressuscitou

No último domingo (12), a Peloton soltou um comercial brincando com a situação. Chris Noth aparece ao lado de Jess King, a instrutora que encarna a personagem Allegra nas videoaulas da empresa. 

Os dois conversam em um ambiente aconchegante, cercados no clima natalino, e Jess comenta: “Você está em forma”. Noth agradece e faz uma proposta: “Vamos pedalar outra vez? A vida é muito curta para recusar”. Ambos dão uma gargalhada.

Daí, surge a voz do ator Ryan Reynolds, o narrador da peça publicitária. Ele diz: “E, simples assim, o mundo foi lembrado de que pedalar estimula o coração, os pulmões e a circulação, reduzindo o risco de doenças cardiovasculares”. O vídeo termina com Reynolds dizendo: “Ele está vivo.”

And Just Like That… estreou na quinta-feira (9) e, no dia seguinte, a Peloton já estava inserida na polêmica sobre o uso da bicicleta. O departamento de marketing da empresa montou uma operação urgente e durante o final de semana, em menos de 48 horas, conseguiu gravar a propaganda. A estratégia funcionou, o público gostou da zoeira.

É bom pontuar que a Peloton cedeu os direitos da marca e dos produtos originais para a série And Just Like That… sem saber do contexto no qual a bicicleta ergométrica seria usada.

Veja o comercial, em inglês, da Peloton sobre And Just Like That…:

https://www.youtube.com/watch?v=yX7DuSxnWpg

Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....