Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
'É SÓ TV'

HBO Max: executivos da Warner admitem problemas com nome do streaming

Fusão com o grupo Discovery só deve aumentar a confusão com a marca da plataforma

Publicado em 24/10/2021
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Não é HBO, é só TV“. Essa piada com o slogan clássico da HBO -“não é TV, é HBO“- foi feita pelo comediante John Oliver durante o programa Last Week Tonight, tirando onda da falta de identidade e confusão com o nome do streaming da WarnerMedia. Executivos do conglomerado admitem problemas com a marca HBO Max e planejam mudança.

É o que mostra reportagem desta semana da CNBC, canal pago americano especializado no mercado financeiro, que ouviu ex-funcionários e colaboradores atuais da empresa. O incômodo com o nome HBO Max vem desde antes do lançamento oficial, em 27 de maio do ano passado. A fusão da WarnerMedia com o grupo Discovery é a oportunidade de repaginar o serviço.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

É HBO, só que não

O conglomerado WarnerMedia tem na HBO a maior grife, símbolo de excelência na TV. Logo, faz sentido criar um nome de um streaming com a marca. Porém, a HBO Max vai muito mais além de programas da HBO, com um conteúdo espetacularmente vasto da videoteca da Warner, com séries do tipo Friends (1994-2004) e The Big Bang Theory (2007-2019).

Na verdade, a HBO Max é o nosso combo da TV paga”, comentou um atual executivo da WarnerMedia para a CNBC, sem revelar a identidade. “O ideal é a HBO ter uma sub-marca dentro de um streaming batizado com outro nome. Tudo isso pode ser resolvido assim que David [Zaslav] assumir o controle.

Esse David Zaslav é o atual diretor-executivo do grupo Discovery e vai assumir a WarnerMedia em 2022, após detalhes burocráticos finalizarem a junção. O tema mudança de nome da HBO Max, ou ao menos uma discussão séria sobre o assunto, é tratado como prioridade.

Isso porque a tendência é que todo o conteúdo da Discovery entre no streaming, só não se sabe se em um pacote separado ou junto e misturado. O grupo Discovery tem 19 canais, que vão do Food Network ao Animal Planet. Assim, o streaming iria se distanciar ainda mais do que é a HBO.

“[HBO Max] parece o nome de um produto que é uma HBO turbinada“, falou um ex-executivo da Warner que deixou a companhia no ano passado. “Só quem conhece o serviço de perto e está familiarizado com o conteúdo que vai saber a diferença.

Mudar não é fácil

Aos trancos e barrancos, a HBO Max está se consolidando no mercado, mesmo com problemas operacionais do serviço. A plataforma chegou ao número de 69 milhões de assinantes no mundo todo, segundo dados do balanço do terceiro trimestre deste ano. 

A plataforma está bem atrás da Netflix, Prime Video e Disney+, mas consegue ficar à frente do Paramount (ViacomCBS) e Peacock (NBCUniversal), outros rivais.

Um ano e meio após o lançamento, a HBO Max é conhecida no mercado. Mudar a identidade pode ser prejudicial e causar ainda mais confusão.

Pensar em um título bom é complicado. HBO Max surgiu para passar a ideia de que o streaming tem a HBO e “mais”. Chamar de algo como Warner “mais alguma coisa” também corre o risco de ser impreciso. Quem tiver alguma sugestão é só mandar para os executivos da WarnerMedia. Eles vão agradecer.


Siga o Observatório de Séries nas redes sociais:

Facebook: ObservatorioSeries

Twitter: @obsdeseries

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....