Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
RELEMBRE

Greve de sexo e gafe: a passagem memorável de Bob Odenkirk em Seinfeld

Humorista nato, o ator versátil viveu um dos namorados de Elaine na melhor comédia de todos os tempos

Publicado em 16/04/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Comediante nato, revelado pelo humorístico Saturday Night Live, Bob Odenkirk volta a viver o advogado trambiqueiro Jimmy McGill/Saul Goodman pela última vez na sexta temporada de Better Call Saul (Netflix), a partir da próxima terça-feira (19). Entre tantos papéis cômicos ao longo da carreira, um é memorável e vale a lembrança: Ben, em Seinfeld (1989-1998), personagem que passou por uma greve de sexo e cometeu gafe embaraçosa.

Em 1996, quando participou de Seinfeld, Bob Odenkirk tinha 11 anos de estrada e a fama de ser muito versátil, pois brilhava em programas de esquetes, interpretando vários personagens. A melhor comédia de todos os tempos estava na reta final e a adição do ator no nono episódio da oitava temporada foi perfeita.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Ben está na lista dos vários namorados de Elaine (Julia Louis-Dreyfus). Esse, porém, tem um toque especial: ela poderia dizer a todos que estava saindo com um “doutor”. Bom, ao menos ela pensava que ele era um médico de verdade.

Ben até estudou medicina, se formou… mas ainda não fora aprovado no exame para obter a carteirinha que o oficializa médico. No primeiro momento, Elaine não se importava com esse detalhe técnico, desde que pudesse apresentá-lo aos amigos como “doutor”, se gabando um pouco.

Uma situação dessa ocorreu quando o casal se deparou com Sue Ellen Mischke (Brenda Strong), amiga-rival de Elaine, quando ela entrou no restaurante Moe’s acompanhado do namorado. Orgulhosa, a mulher-que-não-usa-sutiã o apresentou como periodontista (odontologia). Elaine, por sua vez, reagiu dizendo de boca cheia que Ben é um “doutor”.

Logo na sequência, uma pessoa desmaiou no Moe’s e alguém gritou: “Quem pode ajudar?!”. Elaine logo se prontificou a apontar Ben como médico, mas ele recusou se voluntariar, por não ser um de verdade. Ele mal sabia o que fazer ou sugerir, não entendendo nada nem de primeiros socorros. A gafe deixou Elaine constrangida (e Sue ficou contente ao ver a amiga-rival passar vergonha).

Bob Odenkirk com Julia Louis-Dreyfus em Seinfeld

Greve de sexo

A ex-namorada de Jerry (Jerry Seinfeld) ficou indignada e resolveu agir. Até Ben passar na prova para ser um médico de verdade, os dois não iriam fazer sexo. A tática motivacional foi inspirada em George (Jerry Alexander), que se absteve dos prazeres carnais e, de repente, ficou inteligente.

Elaine entendia aquilo como um sacrifício, pois a falta de sexo causou nela o efeito contrário ao de George: ela ficou burra. Mas valia a pena, pois se Ben passasse no exame ela, de fato, teria um namorado médico; o sonho era se casar com um doutor.

E parte disso foi verdade! Ben conseguiu ser aprovado e virou médico. Porém, após receber essa notícia, ele rompeu o namoro com Elaine, dando a seguinte justificativa: “Sempre soube que depois que virasse médico, eu trocaria a namorada que tivesse por alguém melhor. Esse é o sonho de quem vira médico.”

Bob Odenkirk foi muito bem na pele de Ben, principalmente rebatendo Elaine quando ela insistia em dizer aos outros que ele era um doutor. O papel nada espalhafatoso, sem exageros cômicos, contou com uma veia humorística sutil que o ator desempenhou com destreza. E eternizou Ben como um dos namoradinhos mais icônicos de Elaine.

Seinfeld está disponível, completa com as nove temporadas, na Netflix. ⬩

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....