Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
PROTESTO

Atriz de Três É Demais reage após ser agredida por policial

Jodie Sweetin estava em manifestação a favor do aborto realizada no último domingo (26), em Los Angeles

Publicado em 27/06/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A atriz Jodie Sweetin, conhecida por interpretar Stephanie Tanner na franquia Três É Demais, deu a primeira entrevista após ser agredida por um policial de Los Angeles durante protesto pelo direito ao aborto, realizado no último domingo (26). A violência contra a artista foi gravada em vídeo, que logo viralizou nas redes sociais. Jodie reagiu com calma e falou sobre tudo o que aconteceu na edição desta segunda-feira do programa Daily Pop, do canal E!.

Primeiramente, a atriz recordou o momento da agressão. “Eu estava caminhando normalmente e um policial simplesmente pegou minha bolsa e me jogou para a frente, lembrou. “Nós [manifestantes] cuidamos da situação e não usamos aquilo como desculpa para parar. Continuamos a marcha por mais de quatro ou cinco horas, até o centro da cidade [Los Angeles].”

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Jodie aproveitou a plataforma, tendo todos os olhares voltados a ela, para esclarecer algumas coisas. A veterana de Hollywood disse que não fará registro de ocorrência contra o policial, ação que poderia desviar o foco da questão mais importante. Quero continuar a concentrar o assunto sobre os direitos da mulher e, agora também, acerca da violência policial.”

A atriz deu outro recado: “Se as pessoas estão perturbadas com o que viram, deixe-me dizer uma coisa: passei muito tempo protestando nas ruas; isso só foi um incidente muito pequeno de violência policial.”

Aos 40 anos, Jodie disse que não vai frear o ativismo, prometendo participar de outros protestos. “Eu continuarei nas ruas”, disse Jodie. “Eu ainda vou continuar. Isso é parte do comprometimento de tentar fazer o melhor que posso.”

Procurado pelo programa, o Departamento de Polícia de Los Angeles respondeu que investiga o procedimento dos oficiais na manifestação. “Enquanto a nação [Estados Unidos] está protestando contra a última decisão da Suprema Corte, a polícia de Los Angeles irá preservar os direitos da Primeira Emenda [liberdade de expressão], enquanto protege a vida e a propriedade.”

Desde a última sexta-feira (24), manifestações explodiram nos EUA após a Suprema Corte derrubar o direito constitucional ao aborto, em vigor desde 1973. Com isso, Estados agora têm a liberdade de legislar sobre o assunto como bem entenderem, vetando o procedimento ou não. 

Veja o vídeo da atriz Jodie Sweetin sendo agredida por um policial:

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....