Resumo do capítulo de Cabocla que vai ao ar nesta quinta

Neco diz a Emerenciana que não acredita que Boanerges seja culpado

Publicado há 2 meses
Por Redação
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Confira o que acontece no capítulo 160 da novela Cabocla, que vai ao ar na quinta-feira (9), às 15h30 (horário alternativo à 0h), no Canal Viva.

Justino abençoa o casal. Mariquinha e Tobias se beijam. Boanerges garante ao delegado que não é o mandante das tocaias. O delegado, querendo provar a inocência do coronel, diz a Desidério que Macário morreu e confessou ter mandado atacar Felício.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desidério confessa tudo, falando que foi Macário quem ordenou os crimes. O delegado solta Boanerges. Generosa e Tina ficam felizes ao ver Tobias e Mariquinha juntos. Tobias diz a Felício que Macário e Boanerges mandaram atacá-lo. Felício garante a Tobias que o coronel é inocente.

Neco fala para Emerenciana que acredita na inocência de Boanerges. Tobias e Felício dizem a Emerenciana que sabem que Macário é o único culpado. Boanerges conta que foi inocentado. Luís recebe a carta de Boanerges dizendo que Zuca está doente e decide ir para Vila da Mata imediatamente.

Zuca diz a Mariquinha que não acredita mais que Luís vá voltar. Luís se desespera ao pensar que Zuca pode ter pego sua doença. Bina diz a Maria que Zuca não estaria doente se tivesse lhe escutado e fala que não acredita mais que ela vá melhorar. Bina não sabe mais o que fazer para deixar Zuca melhor. Belinha tenta animar Zuca, garantindo-lhe que Luís deve estar chegando em breve.

Tobias diz a Mariquinha que ela e o filho deles são as melhores coisas que já aconteceram em sua vida. Generosa garante a Tina que Rosa ainda vai voltar. Pepa fala para Julieta que vai convidar Mariquinha e Tobias para morar com eles. Boanerges, Chico Bento e Dr. Teles vão ao enterro de Macário, mas têm um plano secreto.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais