Sem Lucas, repudiada por Zein, desprezada por Said: Jade está no mato sem cachorro

A sobrinha de Ali se vê numa situação que a deixa à beira da maldição eterna

Publicado há 4 meses
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os planos de Jade (Giovanna Antonelli) não têm dado certo em O Clone, e não é de hoje. A mocinha da história de Glória Perez não conseguiu fugir com Lucas (Murilo Benício), tampouco ter consigo a filha Khadija (Carla Diaz). O casamento com Zein (Luciano Szafir) criou um novo problema.

Depois de ver que não conseguiria conquistar o amor da primeira mulher que o impressionou a ponto de querê-la por mais do que uma noite, Zein repudiou Jade por três vezes, o que para os muçulmanos indica divórcio. E Said (Dalton Vigh) não a quer de volta, embora viva cheirando seus lenços.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sem estudos, sem fonte de renda, motivo de vergonha para a família no Marrocos e no Brasil devido a seu comportamento reprovável aos olhos deles, Jade é aceita de volta pelo Tio Ali (Stênio Garcia). No entanto, para isso ela deve viver como uma muçulmana dedicada e fiel ao Alcorão.

Meio brasileira, meio muçulmana, sem se definir nem se completar com um lado ou outro, Jade é uma vítima do destino reservado para ela. De maneira que ela decide ficar no Brasil, mesmo que acabe amaldiçoada. E Mohamed (Antonio Calloni), marido de sua prima Latiffa (Letícia Sabatella), reluta em deixar que ela more na casa deles em São Cristóvão.

Decepcionada com Lucas, frustrada com Zein e sem crédito com Said, além de chocada com a visão de um “Lucas jovem” que tivera há algum tempo e não é outro senão Leo (também Murilo Benício), Jade precisa dar um jeito de arrumar sua vida e quem sabe ser feliz, algo pelo que luta há tempos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais