Samuel revela segredo e identidade de Dionísio à polícia

Manolo revela identidade de Klaus Wagner

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos da novela Flor do Caribe, da Globo, o delegado Rocha procura Samuel (Juca de Oliveira) para apurar a acusação de que ele não teria sido vítima de um simples atentado orquestrado por Dionísio (Sérgio Mamberti) e sim um crime racial. 

“O objetivo era me matar, me exterminar por conta da minha origem hebraica. Quando eles me levaram para aquele navio abandonado, era como se eu estivesse revivendo o pesadelo dos meus pais no campo de extermínio”, conta Samuel. “O que o senhor está me dizendo é que o seu Dionísio seria um simpatizante dos ideais nazistas?”, tenta entender Rocha.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Muito mais que simpatizante”, diz Manolo (Elias Gleizer). “Me desculpe, mas tem coisas que eu não consigo entender. Sua filha, a dona Ester (Grazi Massafera), foi casada com o neto do seu Dionísio, portanto o senhor foi membro da família”, pontua o delegado.

Pois é! Até o fim da minha existência, vou ficar me perguntando o que foi que eu fiz para merecer essa vergonha”, diz o pai de Ester. “O senhor está me afirmando então que o senhor Dionísio é um antissemita, um racista tão e irracional que teria tentado matar o senhor pelo simples fato de ser judeu?”, questiona Rocha.

Ele tentou matar o Samuel para não ser denunciado pelos crimes que ele cometeu na Europa quando ele era chamado de Klaus Wagner”, entrega Manolo.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos da novela Flor do Caribe

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio