Lobato não consegue se segurar e acaba sofrendo uma overdose

O advogado não se contém ante a perspectiva de rever os filhos

Publicado há um mês
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em O Clone, a competência profissional de Lobato (Osmar Prado) não é segredo para ninguém. Nem seus problemas com álcool e drogas desde a juventude, que ele não esconde de ninguém, até para que sua luta diária contra o vício sirva de exemplo para as outras pessoas.

Embora o ajude em tudo quanto possa, Leônidas (Reginaldo Faria) tem um pouco de pé atrás com o velho amigo, justamente por causa da luta dele contra o vício. Isso tem feito com que Tavinho (Victor Fasano) acaba assumindo causas para as quais não tem grande aptidão no escritório.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após anos de distância, Lobato decide rever os filhos, agora já adultos, Monique (Cynthia Falabella) e Pedrinho (Caio Junqueira). O porteiro do prédio onde eles moram até comenta que um homem desconhecido andou rondando a portaria e os arredores, depois de pedir informações sobre eles.

Muito nervoso e temendo ser rejeitado pelos filhos, Lobato perde o controle e vai à boca de fumo comprar cocaína. A quantidade que consome é tanta que ele começa a se sentir mal, também pelo tempo de autocontrole, e Lobato pede ajuda aos bombeiros porque está tendo uma overdose.

Curiosos, Monique e Pedrinho acabam descobrindo no hospital que o homem socorrido às pressas é o pai deles. A moça se emociona, já que sentira bastante falta de Lobato, ao passo que o rapaz é bastante hostil e ressentido. Mas eles acabam se reaproximando, e uma nova possibilidade para o convívio desse pai com seus filhos se configura. Um dia de cada vez…

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais