Cora surta no velório de Eliane, parte pra cima do caixão, arranca as flores e Xana precisa agir

Vilã diz que deveria ter morrido no lugar da irmã

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos da novela Império, da Globo, Cora (Drica Moraes) arma um escândalo no velório de sua irmã, Eliane (Malu Galli). Ela se aproxima do caixão e começa a chorar.

Minha vida acabou. Sem a minha irmã, eu não sou mais nada. Eu é que devia ter morrido, eu queria que um raio caísse em minha cabeça, eu é que devia ter morrido”, fala a vilã de forma repetitiva enquanto força o choro. 

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Por que Deus leva as pessoas boas e deixa nós, os pecadores? Essa mulher nunca pecou, eu passei a vida do lado dela, eu posso jurar isso. Foi uma mãe exemplar, uma esposa dedicada, trabalhadora, honesta, nasceu pura feito um anjo e morreu santa”, acrescenta Cora à beira do caixão.

A vilã sobe o volume do choro e começa a gritar: “Tenha piedade de mim, eu precisava tanto de ti. Agora só resta a dor, a dor de uma saudade”, fala Cora, que começa a arrancar as flores do caixão. “Eu não vou aguentar”, grita ela, que é contida por Xana (Ailton Graça).

Mais informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos da novela Império.

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio