Carlos ameaça Augusto com revólver: “Isso é propriedade privada!”

Ele e Lázaro impedem o vilão de mexer na colheita

Publicado há um mês
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Já passou da hora de alguém colocar um ‘basta’ na prepotência de Augusto Duran (Lisardo Guarinos) – e caberá a Carlos (Carlos de la Mota) essa tarefa. Nos próximos capítulos de Quando me Apaixono, o amigo de Jerônimo (Juan Soler) colocará o dono da fazenda Cruz de Amor em seu devido lugar.

Tudo começa quando Lázaro (Luis Gatica) entra às pressas no quarto de Carlos pela manhã para alertá-lo sobre um problema. “O Augusto Duran já começou a poda. Se meteu na fazenda como se fosse o dono e senhor de tudo isso!“, queixa-se o capataz.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mais do que depressa, Carlos vai com Lázaro até a plantação e flagra Augusto e Ezequiel (Alejandro Ruiz) pressionado Alzira (Aleida Núñez) para que lhes permita podar as uvas. “Esta é uma propriedade privada! Ou você vai embora por bem ou eu mando te tirarem à força!“, ameaça Carlos para Augusto, furioso.

É só mandar, senhor Carlos, e eu ponho ele pra fora“, avisa Lázaro, apoiando o chefe. “A colheita é minha! Sendo assim, tenho todo o direito de intervir“, argumento Augusto. “Quando te entregarmos, você faz com ela o que quiser. Mas agora não! Essas terras ainda não suas!“, retruca Carlos.

Praticamente já são. Então não se meta e me deixe fazer as coisas como acho melhor“, dispara Augusto, abaixando-se para podar as plantas. É quando, cansados de argumentar, tanto Carlos como Lázaro puxam seus revólveres e apontam para o vilão. No que será que isso vai dar?

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos de Quando Me Apaixono.

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais