Após prisão de Samuel, Luísa é confrontada sobre crime do passado: “Foi a senhora”

A condessa é convocada para depor na delegacia

Publicado em 14/12/2021 07:09
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de Nos Tempos do ImperadorLuísa (Mariana Ximenes) corre o risco de se complicar com crime cometido no passado. Isso porque, Samuel (Michel Gomes) é preso no dia de seu casamento com Pilar (Gabriela Medvedovski) e tem sua identidade descoberta.

Após a prisão, a condessa de Barral é interrogada por policiais, que querem saber se foi ela quem falsificou a carta de alforria do engenheiro. Ela, então, é convocada para depor na delegacia da corte.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O senhor Tonico Rocha, daqui para frente denominado testemunha, alega ter visto, na ocasião do assassinato do coronel Ambrósio [Roberto Bomfim], Samuel dos Anjos, cujo nome verdadeiro é Jorge da Silva, com a senhora, na sua carruagem, em direção ao Rio de Janeiro. A senhora confirma?”, indaga Borges (Danilo Dal Farra). A condessa concorda.

“Naquele momento, a senhora apresentou uma carta de alforria dizendo que Samuel era um antigo escravo alforriado por seu pai. Ocorre que o acusado não se chama Samuel dos Anjos e, sim, Jorge da Silva. Essa carta, portanto, é falsa. A pergunta é: quem falsificou essa carta de alforria? Foi a senhora“, pressiona o policial, que deixa a nobre preocupada. Com informações do portal Notícias da TV.

Mais informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos da novela Nos Tempos do Imperador

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio