Fedora expulsa os tios da mansão após a suposta venda das ações da tecelagem

Eles vão para a vila e pedem ajuda a Tavinho, quem diria

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Sassaricando, novela de Silvio de Abreu que está em reprise no Canal Viva, a voluntariosa Fedora (Cristina Pereira) não sabe que os 2% de ações da Tecelagem Abdala que pertenciam a suas tias Lucrécia (Maria Alice Vergueiro) e Fabíola (Ileana Kwasinski) não foram vendidos a Bóris Zaidan (Lourival Pariz), mas sim obtidos por ele com uso de hipnose.

Sentindo-se atraiçoada por elas e pelo tio Aprígio (Laerte Morrone), a filha de Teodora (Jandira Martini) decide expulsar todos da mansão da família. E só não expulsa também Aparício (Paulo Autran) porque o pai também é dono do imóvel, já que vontade de se livrar dele também não falta. Os 2% das ações são necessários para que ela assuma a presidência da empresa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Depois de uma verdadeira peregrinação, ocorre aos expulsos a casa humilde de Tavinho (Alexandre Lippiani) na vila pobre onde também moram a feirante Aldonza (Lolita Rodrigues) e a fofoqueira Ilce (Ana Maria Sagres). E lá vão eles.

Quem diria que Lucrécia e Fabíola teriam que pedir ajuda e abrigo ao rapaz, que renegara a fortuna da família e o conforto da mansão, e à “horrorosa” Diana (Marcela Muniz), dona da casa, junto de seus irmãos Apolo (Alexandre Frota) e Adônis (Rômulo Arantes).

Os preconceitos são grandes, mas a fome também, e as irmãs de Teodora não conseguem disfarçar o apetite quando lhes é oferecida a dupla formada por cafezinho preto e pão – sem manteiga, evidentemente.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio