O Sétimo Guardião: Mirtes rejeita neto por inseminação: “Não mereço ser avó de um Frankenstein”

Publicidade

A maldade e os preconceitos de Mirtes (Elizabeth Savalla) não têm limites. Nos próximos capítulos de O Sétimo Guardião, a vilã ficará horrorizada com a ideia de Stela (Vanessa Giácomo) e Aranha (Paulo Rocha) terem um filho concebido por meio de inseminação artificial.

O casal tomará essa decisão assim que se reconciliar, depois de Adamastor (Theodoro Cochrane) esclarecer para o médico que Stela jamais foi para a cama com Júnior (José Loreto). “Vamos ao hospital dar o passo inicial pra realizar o meu sonho de ser mãe”, contará Stela à sogra. “De novo esse delírio?”, questiona Mirtes.

Leia mais: O Sétimo Guardião: Após ser apontado como assediador, Fabim procura Marilda

Continua depois da publicidade

“Não é delírio, minha mãe. Hoje em dia é até comum. Stela vai fazer os exames preliminares pra avançar com uma inseminação artificial”, revela Aranha. “Não estou ouvindo isso! Senhor, não mereço ser avó de um novo Frankenstein concebido naqueles potinhos de vidro! É castigo demais pra mim”, reclama a beata, sempre queixosa e infeliz.

Clique aqui e continue lendo os capítulos…

Dessa vez, porém, Stela não se deixa abalar pela língua venenosa de sua sogra. “Se vê nossa felicidade como um castigo, melhor ir se acostumando a viver castigada”, retruca a moça. “Só não escrevo um e-mail sobre a ideia maluca desses dois de botarem um ET no mundo porque ia dar na vista que o Tarja Preta sou eu”, diz Mirtes a si mesma, depois que Aranha e a esposa deixam a sala.

CONFIRA O RESUMO DA SEMANA EM O SÉTIMO GUARDIÃO

Publicidade
© 2021 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade