Publicidade

Em Órfãos da Terra, a fictícia cidade de Fardús será dominada pela guerra civil; saiba detalhes

Publicidade

No dia 2 de abril a Globo colocará no ar uma produção para encher os olhos no horário das 18h. Trata-se de Órfãos da Terra. A trama é escrita por Thelma Guedes e Duca Rachid. A dupla é responsável por sucessos como Cordel Encantado, Cama de Gato e Joia Rara. O folhetim leva a assinatura de Gustavo Fernandéz na direção artística.

Como pano de fundo, Órfãos da Terra traz à tona a realidade de vida dos refugiados da Síria. Com início em 2015, na fictícia cidade de Fardús, uma crise econômica segue assolando o país nos anos que antecedem o pontapé inicial da história. O regime político de Bashar-Al-Assad também ascende uma piora para seu povo.

Manifestantes fortemente reprimidos pelas forças do governo, passam a recorrer à luta armada, transformando o embate numa guerra civil. Quando o bombardeio atinge a casa da heroína, Laila (Julia Dalavia), a guerra já está disseminada por quase todo território e o conflito já está estabelecido no país do Oriente Médio.

Continua depois da publicidade

Órfãos da Terra se debruça sobre o contexto dos –considerados- novos imigrantes do século XXI. Isto, após novelas como Terra Nostra, Esperança, Os Imigrantes e Vida Nova terem sido grandes e bons exemplos com esta abordagem. Thelma Guedes e Duca Rachid inserem em São Paulo a enriquecedora cultura árabe. Com muita gastronomia, diferentes idiomas, e costumes. Tudo para passar a mensagem de que somos um só povo, uma só ancestralidade, vivendo sob a mesma Terra. E que só o amor pode vencer a prepotência, o preconceito, a guerra e superar a própria morte.

Publicidade
© 2020 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade