Orgulho e Paixão: Luccino conta para Ernesto que gosta de rapazes

Luccino (Juliano Laham) de Orgulho e Paixao
Publicidade

Em Orgulho e Paixão, na Globo, Luccino (Juliano Laham) vai tomar coragem e se abrir com Ernesto (Rodrigo Simas). O rapaz revelará ao irmão mais velho e amigo que não gosta de moças e prefere rapazes. A conversa terá pinceladas de tensão, o mecânico tem receio de ser rejeitado. Mas ele terá uma surpresa com a reação de Ernesto. Confira.

“Olha a bombaaaa! Vem, irmão, pode vir… A água tá quentinha”, falará Ernesto, no rio. “Que quente, tá um gelo! Não sente frio nunca?!”, perguntará Luccino, que entrará na água. “A água esfria, mas o sol aquece. E eu tenho dois: o lá de cima, e o que veio de São Paulo pra esquentar meus dias no Vale”.

Veja também: Camilo se emociona ao saber que Jane está grávida, em Orgulho e Paixão, na Globo

Continua depois da publicidade

“Isso é que se chama um sujeito apaixonado até debaixo d’água. Por que não trouxe a Ema?”, perguntará. “Meu solzinho é meio preguiçoso, quis dormir mais um pouco. Afinal esse que está no alto acabou de raiar. E você, Luccino? Como vai sua dama misteriosa?”. “Aquilo? Ah, foi uma fantasia, bobagem. Passou”, responderá.

Ernesto insiste em saber

“Me conte pelo menos quem era! Não é possível que não tenha um rabo de saia, todo homem tem!”. “Eu… não sou como os outros homens”, dirá. “Como não? Não tem dois braços, duas pernas, e todo o resto? A água fria congelou seus miolos? Não está dizendo coisa com coisa”. “Deixa, você não entende. Ou não quer entender”, pontuará.

“Não vai me dizer que… a moça é casada, é isso?! Comprometida?”, questionará o noivo de Ema. “Não existe moça nenhuma, Ernesto, nunca existiu”. “Mas você não disse que estava encantado?!”. “Mas não disse que era por uma moça”, revelará. Neste momento, eles se encararão e Luccino submergirá, triste.

Ernesto, então, o ajudará chegar até a superfície. “Ficou louco? Afundou e nunca mais voltava, achei que ia se afogar!”. “É o que eu sou. E já entendi que não tenho que pedir desculpas a ninguém por isso. Se você não puder me aceitar, vou entender, mas não posso mais mentir pra mim, nem…”.

“Mamma mia, é calado como uma ostra, mas quando resolve falar, tagarela como um papagaio!”. “Você me odeia? Tem vergonha de mim?”. “Vergonha?! Incomum talvez! Mas basta deixar a ideia descer… Pronto! Desceu! Presta atenção: você é meu irmão… e é a melhor pessoa que eu conheço! Não deixe ninguém te diminuir por ser quem é. Ouviu? E nem dizer quem você pode e quem não pode amar. Isso é o coração da gente que decide. Só ele!”, concluirá Ernesto, deixando Luccino emocionado.

Publicidade
© 2021 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade