Web detona Encontro após definição sobre o que é ser travesti: “Desserviço”

Médico e apresentadora declararam que travesti pode ser manifestação artística

Publicado em 1/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na edição desta quinta-feira (1) do Encontro com Fátima Bernardes, Jairo Bouer, médico psiquiatra especialista em sexualidade, respondeu perguntas que foram enviadas por telespectadores sobre a comunidade LGBTQIA+.

Em certo momento, uma professora chamada Fernanda Viana quis saber qual era a diferença entre uma transsexual e uma travesti. Jairo esclareceu que transsexual é uma pessoa que não se identifica com o sexo biológico que nasceu.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“O corpo não se adequa a sua identidade, personalidade, ao seu jeito de ver o mundo. Então ele vai tentar buscar mudanças sociais, comportamentais, hormonais, e até às vezes cirurgias para tentar uma adequação do seu corpo a como se entende, se percebe”, apontou o profissional.

“A travesti é uma pessoa que busca adotar hábitos sociais, roupas, comportamentos do sexo oposto, mas não necessariamente se sente aprisionada em um corpo ao qual não se identifica”, seguiu Bouer, sendo interrompido por Fátima.

“Pode ser uma manifestação até artística, né?”, indagou a apresentadora. “Pode ser uma manifestação artística, pode ser um desejo da pessoa naquele momento estar vestida ou estar se sentindo daquele jeito, mas não tem a necessidade de mudar o seu corpo”, concordou o médico. Na web, a conversa gerou críticas.

“Eu não tô acreditando que um homem cis no programa da Fátima disse que as travestis podem ser consideradas como uma manifestação artística. Meu Deus que desserviço!”, declarou um internauta no Twitter. “Gente, eu realmente não tenho certeza se ouvi direito. No Encontro foi dito que travesti é uma manifestação artística?”, indagou outro.

“Gente, não dá pra colocar um homem cis branco hétero pra falar de causas LGBTQ+, principalmente pra falar sobre pessoas trans! Travesti não é manifestação artística”, reclamou um terceiro.

Veja:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio