Walcyr Carrasco revela que direção da Manchete queria que Xica da Silva fosse branca

Publicado há 5 anos
Por Redação
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ao portal UOL, Walcyr Carrasco tratou sobre a polêmica envolvendo Eta Mundo Bom, novela na qual Marco Nanini surgirá pintado de preto, situação que gerou críticas nas redes sociais.

“A cena estava escrita e gravada. É inocente, de um humor ingênuo e não vejo motivo para mudá-la. Acho que os radicais estão ultrapassando as fronteiras da defesa de problemas que são, sim, existentes para partirem para um tipo de censura. Também crio personagens femininas para o Nanini. Seria o caso das feministas me atacarem para uma pretensa defesa da mulher?”, perguntou ele.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após matar carneiro em programa, Rodrigo Hilbert desabafa: “Vi surgir o ódio de muitos por mim”

O novelista também relembrou a dificuldade de escalar uma atriz negra para Xica da Silva: “Na época, eu e o falecido diretor Walter Avancini lutamos muito para que a protagonista fosse uma negra. Havia na direção da emissora um grupo de pessoas que queria colocar uma branca que tomasse muito sol e fizesse o papel. Não aceitamos. Xica da Silva é um símbolo da luta dos negros. Jamais poderia ser uma branca”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio