Vilão de Sandy & Júnior virou educador e revela ter vencido a depressão

Intérprete do malvado chegou a ser internado em uma clínica

Publicado há 21 dias
Por Arthur Pazin
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No ar no Viva como o vilão Tony em Sandy & Júnior, Edward Boggis trocou a carreira de ator por educador social e atualmente trabalha na prefeitura de Alfenas, no interior de Minas Gerais.

Aos 43 anos, o ator contou em entrevista à jornalista Thayná Rodrigues, da coluna de Patrícia Kogut no jornal O Globo, que mudou para a cidade para viver com sua companheira, a fisioterapeuta Érika Boggis.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uns três anos atrás eu apresentei um filme num festival aqui em Minas e conheci o amor da minha vida. Na época, eu até estava escrevendo uma peça de teatro. Mas decidi mudar todos os planos, casar e reconstruir minha família“, disse o também cineasta que acabou concursado na cidade.

Edward Boggis com a esposa Erika (Foto: Arquivo Pessoal)

O resultado saiu um pouco antes do período de isolamento. Por ter conseguido o emprego, não precisei recorrer ao auxílio emergencial. Mas nos últimos meses, nos centros de atendimentos, ajudamos algumas pessoas que estavam em condição de vulnerabilidade a conseguir“, explicou o ator, que há oito anos enfrentou uma profunda depressão, chegando a ser internado em uma clínica psiquiátrica.

Foi um momento difícil, mas hoje em dia tenho mais estrutura familiar, psicológica. Naquela época, precisei de ajuda especializada. Foi importante eu ter entrado de cabeça para me resolver e me entender. Quando estamos com dificuldade, temos que compreender o que traz isso“, lembrou Boggis, que mesmo longe da TV, afirmou ainda ser reconhecido nas ruas.

Muita gente me diz que tem saudade de me ver atuando e pergunta o motivo de eu não fazer mais novelas. Tenho muita vontade de retornar, sim. Iria me ajudar como pessoa e na minha atual vida profissional”, concluiu o ator, que iniciou a carreira em Malhação 1998, tendo feito na sequência sete novelas em três diferentes emissoras, além de séries e minisséries.

Edward Boggis está fora da TV desde a série A Vida Alheia, em 2011. Entre seus trabalhos estão as novelas O Profeta (2006), Chamas da Vida (2008), Sabor da Paixão (2002) e Floribella (2005), que será reprisada pela Band em breve.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais