Viétia Zangrandi relembra momentos de Nívea, sua personagem em Novo Mundo

A atriz fala da parceria com Gabriel Braga Nunes

Publicado há 5 meses
Por André Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Novo Mundo, o cerco está se fechando para Thomas Johnson (Gabriel Braga Nunes). Joaquim (Chay Suede) revelou a Anna (Isabelle Drummond) que o marido da jovem mente pra ela sobre seu passado e suas relações, mas com Nívea (Viétia Zangrandi) trabalhando a seu favor, o oficial inglês consegue preparar uma defesa a tempo.

Nos últimos capítulos da trama, Anna contou a Miss Liu (Luana Tanaka) que Thomas já conhecia seu pai, informação que ele negou para a esposa. Mas enquanto as duas conversavam, Nívea ouvia toda a conversa e alerta o oficial. Com isso, nos próximos momentos da novela, Thomas decide contar para a esposa a relação que tinha com Sir. Millmann (Ney Latorraca) para garantir a confiança de Anna. No entanto, diante das revelações de Joaquim sobre ele, a professora segue tentando desvendar os mistérios que envolvem o passado do marido.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na entrevista abaixo, a atriz Viétia Zangrandi fala sobre Nívea e comenta as próximas emoções da trama das seis da Globo.

Como você recebeu a notícia da volta da novela?

Eu adorei a notícia! É claro que a gente sente o fato de a emissora ter que suspender as gravações das novelas atuais, mas a escolha de Novo Mundo nos deu muita alegria. Fizemos este trabalho com muito carinho. Todos os atores e a equipe estavam muito envolvidos e felizes por contar essa história que é inspirada em um período importante do Brasil.

Qual a importância dessa personagem na sua carreira?

A oportunidade de trabalhar com o diretor Vinícius Coimbra e sua equipe foi muito gratificante. Eu já admirava o trabalho deles. Também foi muito importante para mim participar da primeira novela da dupla de autores Alessandro Marson e Thereza Falcão. Eles são muito sensacionais, falar o texto deles é uma satisfação e assistir à novela também.

Qual cena gostaria de rever?

Gostaria de rever a cena em que o Thomas (Gabriel Braga Nunes) ameaça a Nívea com um revólver. Eu e o Gabriel gostamos muito de fazer essa cena. Foi tensa e ficou bonita!

Qual a cena mais difícil?

Foi um desafio fazer as cenas do precipício, onde Thomas tenta matar a minha personagem. Nós realmente gravamos em um penhasco. Quando temos uma cena assim, toda a equipe fica na expectativa. São cenas fortes e com emoção. E como gravamos bem no limite do precipício, também nos causa um impacto de verdade, o que é muito bom para a cena, torna tudo mais real.

Que momento das gravações você lembra com mais carinho?

Lembro com muito carinho das cenas com a Isabelle Drummond que, além de muito talentosa, é muito querida. E também do momento em que a Nívea se mudou para a Quinta da Boa Vista e começa a conviver com os criados do Palácio, Leopoldina (Letícia Colin), Dom Pedro (Caio Castro) e Joaquim (Chay Suede). As gravações com esse núcleo eram muito divertidas. Todos, equipe e atores, se relacionaram muito bem nessa novela. Foi um ambiente de trabalho muito especial. Muito bom trabalhar assim, onde todos estão empenhados para que tudo ocorra da melhor forma. E isso se deve ao astral com que os autores e diretores orquestravam todo o processo. O elenco até hoje mantém um grupo de comunicação.

Como está a repercussão da novela? O que tem ouvido do público?

As pessoas aprovam a volta de Novo Mundo, pois foi uma novela muito querida pelo público. E falam que é sempre bom relembrar, pois logo entrará Nos Tempos do Imperador, que será uma continuação, inclusive com personagens que retornam, como os hilários Licurgo (Guilherme Piva) e Germana (Vivianne Pasmanter).

Tem alguma característica ou algo que você aprendeu com a personagem que ficou pra sua vida?

Cada personagem que a gente faz nos traz um mundo novo, o mundo daquela personagem. A Nívea é muito dedicada, trabalhadora, focada e leal. E eu admiro estas características. Mas o que mais ficou para minha vida foi a formalidade dela. A forma respeitosa como ela se relaciona com as outras personagens. Penso que o respeito é uma das maiores qualidades, faz com que possamos conviver melhor com os outros.

Como estão os seus dias de isolamento? O que tem feito ou aproveitado para aprender?

Estou passando meus dias de isolamento perto da minha mãe, na minha terra natal Aracaju. Neste momento, o melhor é ficar perto de quem amamos e queremos cuidar. Estou aproveitando para organizar coisas da vida, me exercitar, meditar, cultivar bons hábitos e estudar. Aproveito meu tempo editando vídeos e estudando nutrição, que é a minha segunda formação.

Estava envolvida em algum projeto antes da pandemia?

Eu estou em três projetos de teatro. Tenho um lindo que está em fase de editais. Neste, vou dirigir e chama-se Girassóis. Também fui convidada para fazer a direção de movimento em dois outros projetos em fase de editais. Ou seja, aguardando pela aprovação deles. Agora, estou tentando entender como vamos nos adaptar aos novos tempos.

Novo Mundo é escrita por Thereza Falcão e Alessandro Marson, com Duba Elia, João Brandão e Renê Belmonte e tem direção artística de Vinícius Coimbra e direção de André Câmara, João Paulo Jabur, Bruno Safadi, Guto de Arruda Botelho e Pedro Brenelli.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais