Vera Fischer fala sobre a carreira: “Atrizes na minha faixa etária não são tão procuradas para uma variedade de papéis mais relevantes”

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No ar como a Carmo Vilela de Espelho da Vida, trama das 18h de Elizabeth Jhin que está no ar desde setembro, Vera Fischer, que está com 67 anos, falou sobre como avalia a carreira artística para alguém da sua idade.

Leia também: Espelho da Vida: Alain surpreende Cris ao entregar carta de Julia

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Tenho a sensação de que atrizes na minha faixa etária não são tão procuradas para uma variedade de papéis mais relevantes. Só quando é um trabalho que exige uma mulher que possa existir em qualquer parte do mundo, em histórias universais. Ou mesmo quando o perfil da personagem requer idade próxima. Vamos ver o que o futuro trará. Estou animada para os próximos convites”, declarou a estrela à Patrícia Kogut.

Leia também: Vera Fischer faz aparição rara ao lado da filha

“Temos autores e diretores excelentes, com muita criatividade, que podem desenvolver uma protagonista linda para mim. Boa, má, sofrida ou sorridente, eu encaro qualquer desafio. Eu vou me jogar”, garantiu a artista.

Com relação ao humor que usa durante o atual trabalho, a estrela fez uma sugestão. “Usei o humor em novelas como ‘Perigosas peruas’ e ‘O clone’ e fui muito bem aceita. Adoro o tipo de humor saudável, meio ingênuo e meio atrapalhado, que sei fazer bem. Quem sabe não pinta algo mais contundente nessa área, como um programa novo, diferente? Fica a dica”, concluiu Fischer.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio