Valesca agradece aliança, mas vota em Pyong na Ilha Record: “Tinha coisas que eu não concordava”

Funkeira diz que saiu de perto de aliados por estratégias e por querer ver ilusionista disputando com Antonela

Publicado em 26/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os exilados da Ilha Record contavam muito com o voto de Valesca Popozuda para que a estratégia deles funcionasse: a de mandar Pyong Lee e Antonela para o Desafio de Sobrevivência sem chances de virarem o jogo. Mesmo com o ilusionista tirando dois votos, ele não conseguiu escapar.

Isso, porque as expectativas dos eliminados se cumpriu: Valesca Popozuda depositou uma pedra na urna do colega, mas não sem antes agradecer por ter feito parte do grupo até aquele momento: “Cheguei até aqui, estou feliz, feliz mesmo. Fiz uma aliança, não me arrependo de ter feito aliança, saí no momento que eu achei que tinha que sair”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ela continua falando sobre os motivos pelos quais ela saiu do grupo: “Tem coisas na aliança que as pessoas acham que a gente tem que fazer por causa do jogo todo. Tinha coisas que eu não concordava. Depois, o Dinei, a galera [do Exílio] voltou, falou algumas coisas, eu não quis saber de muita coisa”.

Apesar de não ligar, ela diz que ficou mais certa da sua saída: “Mas confirmou uma coisa que eu senti a respeito da minha aliança. Então, para mim, não estava bem mesmo, estava pesando”. Antes de finalizar e depositar a pedra, Valesca disse que anseia pelo embate: “Essa pessoa sempre bati de frente. Eu acho que o Brasil também está querendo ver esse confronto”.

Confira a cobertura completa de Ilha Record no Observatório da TV e em nosso canal no Youtube

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio