Trágica, polêmica e caso de polícia, A Rosa dos Milagres é rebatizada e ganha nova oportunidade no SBT

Publicado há um ano
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O SBT iniciou a veiculação das chamadas da volta da série mexicana, A Rosa dos Milagres (La Rosa de Guadalupe), rebatizada de Milagres de Nossa Senhora. A trama, nada mais é que um unitário, ou seja, a cada episódio é apresentado uma história diferente. Polêmica, intrigante e, algumas vezes bizarra, Milagres‘ chega para substituir a reprise de A Dona, às 18h00, a partir da segunda-feira (16).

O história desta produção da Televisa é repleta de polêmicas e casos que ganharam as manchetes dos jornais policiais, protestos de grupos ativistas e processos judiciais. No episódio Calcetita Rojas, produzido em 2018, é contada a história de uma jovem garota que encontra o corpo de outra jovem, com sinais de violência. O enredo faz clara referência a um famoso caso trágico e misterioso ocorrido no país. Na ocasião, devido às poucas informações levantadas pela polícia, a própria mídia acabou batizando o caso de Calcetita Rojas (Meia Vermelha).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ainda sobre o caso Calcetita Rojas, a Televisa e os produtores da série foram acusados de ‘lucrarem com a dor alheia’ e ‘reduzir um caso grave de violência’. Ativistas e movimentos que lutam para combater o feminicídio entraram com uma petição contra a emissora. A Televisa também foi acusada de não ter a permissão da família da vítima para produzirem a história. O caso ainda corre em segredo de justiça.

Outro episódio polêmico foi o Desafio da Baleia Azul. Na época, a Polícia Federal pedia para que os pais ficassem atentos aos sites e grupos de redes sociais visitados por crianças e adolescentes. A intensão era identificar conteúdos que buscavam influenciar no comportamento delas, colocando em risco a integridade física e psicológica das mesmas. Mas, a superficialidade do tema abordado na série foi questionada pela Justiça.

A Rosa dos Milagres é anunciada pelo SBT (Divulgação)

Em agosto de 2008, uma criança de 10 anos chamada Piedras Negras, cometeu suicídio. Segundo informações de amigos, ela esperava por um milagre da Virgem de Guadalupe. Piedras Negras desejava que seu pais -divorciados- se reconciliassem. A menina teria sido influenciada por um episódio em que a personagem conseguia a união dos pais na base de ameaças de suicídio. A Rosa dos Milagres é produzida por Miguel Ángel Herros desde 2008 e exibido nas tardes da Televisa.

Confira a chamada:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio