Tony Ramos revela não ter medo de ser dispensado pela Globo: “Sou muito realista”

O ator comenta o atual momento da emissora, que não vem renovando contratos

Publicado há 2 meses
Por André Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No ar nas reprises de Laços de Família, na Globo, e Mulheres Apaixonadas, no Viva, Tony Ramos não para. Emendando produções na televisão há anos, o veterano só se viu em pausa forçada por conta da pandemia. Mas já se prepara para as gravações de Olho por Olho, novela de João Emanuel Carneiro que ocupará a faixa das nove da Globo em breve.

Nos últimos tempos, Tony Ramos viu vários de seus colegas de cena serem dispensados pela Globo. Recentemente, a emissora não renovou o contrato de medalhões como Gloria Menezes, Tarcísio Meira e Antonio Fagundes. Em entrevista à colunista Fábia Oliveira, o ator analisou o atual momento da emissora.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Isso já aconteceu na década de 1990 quando teve o Plano Collor. Aconteceu há uns 15 anos. Já aconteceu de ficar dois, três meses sem contrato há 25 anos, quando a emissora viu que era melhor ter a exclusividade com o ator. Ano passado, eu tive colegas veteranos que saíram e eu mesmo fiquei quatro meses esperando o contrato ser renovado em 91. Periodicamente isso vai acontecer. Eu vejo como um movimento natural, normal”, afirmou.

Perguntado se teme perder seu contrato com o canal, Tony Ramos é franco. “(…) você tem que entender que o mercado é isso. Confesso que fico atento. Se amanhã não quiserem, outros vão querer. Faz parte do jogo”, afirma.

E ele completa, afirmando não ter medo do que pode acontecer. “As palavras receio e medo não me habitam. Eu não sou um homem de ter medos e receios. Eu sou muito realista. Os meus familiares até falam que eu sou realista demais. Não tenho medo. Pelo contrário. Eu poderia estar amanhã no veículo A, B ou C, no streaming A, B, C, D, ou nos projetos pessoais. O profissional que está há 57 anos no mercado precisa ter previsibilidade. Tem que se prevenir e isso faço há muito tempo”, disse.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio