Tiago Leifert rebate críticas após ser detonado por internautas

Publicado há 7 meses
Por Nayara Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Tiago Leifert usou seu Instagram para ser manifestar após diversos ataques recebidos na internet. O apresentador do BBB20, desabafou depois de ser chamado de “manipulador” do jogo, e os internautas chegaram a colocar a #ForaTiago como um dos assuntos mais comentados no Twitter.

“Vamos combinar uma coisa: Espancar, chutar uma pessoa caída é um ato errado e covarde no mundo real e no virtual. Quando pessoas erram, eu acredito no diálogo, arrependimento, perdão. Em casos mais graves, na Justiça. Isso não é ser condescendente, isso é tomar o caminho mais difícil (e hoje em dia super solitário): o certo”, iniciou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Não acredito que destruir a vida de uma pessoa com linchamento virtual resolva o problema original. Pelo contrário! Ao tentar resolver o problema espancando, você acaba criando outro, gerando ainda mais ódio e violência, ferindo, e provavelmente tirando o foco da solução. Linchamento virtual é tão errado quanto qualquer outra coisa, não faz de você uma pessoa melhor e não conserta o mundo. Quem lincha é herói? Ou vilão? Não adianta nada ficar de biquinho quando te atacam na internet e depois atacar os outros com seus milhões de seguidores quando vc discorda de alguma coisa”, disparou, sendo essa uma suposta indireta para Bruna Marquezine.

“Não adianta nada salvar cachorros e gatos se para isso você destrói reputações e vidas humanas. Não adianta nada ficar falando de “empatia” a cada 3 posts se você não a pratica quando ela é mais necessária, porque ter empatia com quem a gente gosta é mole! Difícil é ter com quem tá errado. Eu jamais vou linchar uma pessoa e não sou Juiz do Mundo, não esperem isso de mim”, completou ele, com o que parece ter sido indireta para a ativista da causa animal Luiza Mell.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais