Thiago Martins sobre personagem em Pega Pega: “Vive um turbilhão de emoções”

Publicado há 4 anos
Por Endrigo Annyston
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pode um amor entre um ladrão e uma policial dar certo? Esta questão paira nas vidas do casal Julio (Thiago Martins) e Antônia (Vanessa Giácomo). Ele é o tipo de rapaz que toda sogra quer ter como genro: bom moço, trabalhador, correto, família e educado. Na vila da Tijuca, onde mora com as tias Elza (Nicette Bruno) e Prazeres (Cristina Pereira) e o cachorro Sherlock, esses atributos se propagaram e o garçom do Carioca Palace é visto como um homem acima de qualquer suspeita. Mas, na iminência de ser despejado de sua casa, ele não vê outra alternativa a não ser entrar na roubada. Já Antônia é a inspetora de polícia linha dura, incorruptível, que não mede esforços para encontrar o culpado pelo roubo dos 40 milhões de dólares do cofre do hotel.

Apesar de terem personalidades bem distintas, enquanto ele é mais frágil, ela é determinada, o destino une os opostos e o amor cresce. “Quando Antônia se apaixona pelo Julio, ela enxerga nele bondade e até mesmo ingenuidade, nem passa pela cabeça dela que ele pode ser um dos autores do crime”, diz Vanessa Giácomo. Para Thiago Martins, seu personagem vive todo o tempo numa região de conflito de sentimentos: “Julio entra no plano do assalto para quitar o aluguel. Ele não tem ambições, é um cara muito simples com uma vida simples e o roubo torna tudo pior. Quando se apaixona pela Antônia e é correspondido, ele não sabe o que fazer, é como se fosse o rato e o gato andando juntos. Ele não relaxa em nenhum momento, vive um turbilhão de emoções.”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Tanto Nelito (Rodrigo Fagundes), irmão de Antônia e responsável por apresentá-los, quanto as tias aprovam o romance, mas a torcida contra também é grande. Do lado de Júlio (Thiago Martins), seus cúmplices no roubo não veem o namoro com bons olhos, temendo o pior; a camareira Cíntia (Bruna Spínola) também não gosta nada, uma vez que sonha cair nos braços do garçom. Do lado de Antônia, a desaprovação vem de Domênico (Marcos Veras), inspetor de polícia, que arrasta um avião pela colega de trabalho.

Com estreia prevista para junho, Pega Pega tem autoria de Claudia Souto e direção artística de Luiz Henrique Rios.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio