Thiago Martins destaca caráter de Júlio de Pega Pega: “Dignidade falou mais alto”

O garçom será descoberto como um dos ladrões do Carioca Palace nos próximos capítulos

Publicado em 25/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Pega Pega, desde o roubo milionário do Carioca Palace, um dos ladrões só pensa em como devolver a fortuna ao dono e tirar um peso da consciência: Júlio, personagem de Thiago Martins. E a verdade finalmente virá à tona nos próximos capítulos.

Depois de tentativas frustradas para entregar o dinheiro a Pedrinho (Marcos Caruso), o garçom do hotel resolve enterrar de vez essa história e usa um túmulo que sua tia, Elza (Nicette Bruno), comprou para o cachorrinho Sherlock, para esconder a mala com os dólares. Júlio só não imagina que Antônia (Vanessa Giacomo) está perto de encontrar mais uma pista para desvendar o crime.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quem procura, acha. No capítulo deste sábado (28), já desconfiada da possível participação do namorado no assalto, Antônia se depara com um comprovante de enterro de Sherlock entre os pertences de Júlio. A inspetora pede a Domênico (Marcos Veras) para investigar e, para a decepção da policial, Júlio é o primeiro ladrão do Carioca Palace a ser descoberto.

“Sempre fui fã do Júlio. Ele é um cara justo, acho que a dignidade falou mais alto”, reflete Thiago Martins sobre a prisão do personagem, arrependido desde o dia do roubo. “Tentei ao máximo trazer leveza para ele, já que passa por muitos momentos de tensão. Amei viver esse bom menino, foi um presentão do Luiz Henrique Rios. Esse personagem foi muito importante para mim!”, descreve o ator.

Animado com a volta da novela, Thiago Martins conta que tem acompanhado a edição especial e relembra o clima de descontração do elenco nas gravações: “Pega Pega é uma novela leve, foi incrível. Era sempre muito legal e divertido estar em cena, tinha generosidade e cumplicidade entre nós. Viramos mesmo uma família, somos amigos até hoje”, diz.

Pega Pega é escrita por Claudia Souto, com direção artística de Luiz Henrique Rios, direção de Ana Paula Guimarães, Dayse Amaral Dias, Luis Felipe Sá, Noa Bressane, e direção geral de Marcus Figueiredo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio