Telejornal da Globo oculta o nome de Felipe Neto ao falar sobre ação na Bienal

Publicado há um ano
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Neste sábado (7), o Jornal Hoje, informativo da TV Globo, falou sobre a ação de Felipe Neto, que comprou 14 mil livros de temática LGBT que eram comercializados na Bienal do Livro para que fossem distribuídos gratuitamente no evento.

Contudo, o informativo optou por ocultar o nome do famoso. “Exemplares de obras com temas e também personagens do universo LGBT que estavam sendo vendidas aqui na Bienal estão sendo distribuídas depois de terem sido compradas por um youtuber”, informou a repórter Larissa Schmidt.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Vale lembrar que a atitude de Felipe foi após o prefeito do Rio de Janeiro,
Marcelo Crivella (PRB), se incomodar com uma HQ que tinha um beijo gay e que
era comercializada na Bienal. O político resolveu que o produto deveria ser
vendido com um aviso do conteúdo e lacrado com plástico preto.

O prefeito chegou a enviar fiscais para que materiais considerados como impróprios fossem recolhidos. Nenhuma mercadoria foi retirada e a Justiça ainda decidiu por meio de liminar que a prefeitura estava proibida de recolher livros por causa do conteúdo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais