Tática foi usada para público não achar que Edu ficou com Camila por pena em Laços de Família; entenda

Autor planejou que doença da mocinha seria descoberta só após o casamento

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Laços de Família, trama das 21h de Manoel Carlos reprisada no Vale a Pena Ver de Novo, Camila (Carolina Dieckmann) perde o bebê pouco tempo após voltar da lua de mel com Edu (Reynaldo Gianecchini) e logo os médicos descobrem que ela está com leucemia.

Não foi por acaso que os acontecimentos foram nessa ordem. Em entrevista ao livro Autores – Histórias da Teledramaturgia (2008), da Editora Globo, o autor do folhetim revelou que sua maior dificuldade era fazer o público acreditar no amor do médico pela filha de Helena (Vera Fischer).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“As pessoas diziam: ‘Ele ainda gosta da Helena’. E veja a preocupação que eu tinha: a Camila não podia ficar doente antes de se casar com o Edu, senão seria um casamento por piedade, ninguém ia acreditaria naquele amor”, avaliou o novelista.

“Então, eu só fiz com que ela ficasse doente depois de casada. Fiz, inclusive, com que ela engravidasse, porque queria mostrar que ela era absolutamente saudável, não tinha nada – tudo aconselhado pelos médicos do Inca (Instituto Nacional do Câncer)”, contou o escritor.

“Mesmo assim, não convenci totalmente o público daquele amor, tenho certeza disso. Todo mundo se apiedou muito da situação da Camila, acabou aceitando, claro. Mas, ainda hoje, encontro gente que diz que o Edu deveria ter ficado com a Helena”, concluiu Maneco.  

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio