Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
MULTISHOW

Tatá Werneck conta que pensou em adiar sexta temporada do Lady Night

A atriz também falou sobre a morte de Paulo Gustavo

Publicado em 21/11/2021
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A sexta temporada do Lady Night estreou na última segunda-feira (15), no Multishow. Os 15 novos episódios vão ao ar de segunda a sexta no canal pago. A gravações foram realizadas em junho, mas Tatá Werneck pensou em adiar os trabalhos.

A morte de Paulo Gustavo, que morreu de covid-19 em maio deste ano, a deixou muito abalada. “Passou pela minha cabeça não gravar o programa. Primeiro, quando estava sem vagas em hospitais. Eu falei: ‘para quê vou gravar agora?’ E depois do Paulo não preciso nem falar“, confessou a comediante, que conversou com a colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Aos 42 anos, Paulo Gustavo era o melhor amigo da atriz. “É muito difícil estar gravando depois do que aconteceu com o Paulo. Fico pensando: ‘O Paulo, tão genial, generoso, incrível, foi embora’. Cheguei a pensar ‘Por que eu mereço alguma coisa?’. Fiquei um tempo com a síndrome de impostora”, pontuou.

Paulo Gustavo e Tatá Werneck (Reprodução)

Ela contou ainda que lembrar do humorista a fez chorar durante as gravações. “Quando entrevistei a Juliette, não tinha como [não lembrar dele]. O dia em que ela ganhou [o ‘Big Brother Brasil’, 4 de maio] foi o dia que o Paulo morreu [começa a chorar]. Ainda tô muito sensível com isso [pausa]. Quando ela tava ali, eu pensei ‘Poxa, aquele foi um dia tão feliz pra tanta gente, eu tava ali torcendo por ela’, e aí [Paulo morreu]“, lamentou.

Muito religiosa, Tatá Werneck se apegou a fé para continuar o trabalho. “Lembro de eu criança falando que queria ser um instrumento, sabe assim? De falar ‘Quero chegar num lugar desanimado e animar, fazer uma pessoa que tá triste ficar feliz’. Sei que é cafona falar isso. Ver uma pessoa rindo me dá muita alegria“, ponderou.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....