Tá no Ar faz homenagem ao grupo As Frenéticas e brinca com ex-BBBs esquecidos

Publicado há 2 anos
Por Fabio Augusto
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A abertura da estreia do Tá no Ar fez uma homenagem ao famoso grupo As Frenéticas. Além de brincar com os ex-BBBs esquecidos. O programa começou com Marcelo Adnet e Marcius Melhem confinados na casa do reality. Eles filosofaram sobre como seria a edição 52 do programa.

Depois disso, entretanto, eles apresentam a música que vai lembrar dos ex-BBBs esquecidos que ninguém mais lembra. O sucesso das Frenéticas, Dancing Days, serviu para relembrar participantes poucos badalados.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A música começou comparando Grazi Massafera e Sabrina Sato – as duas ex-BBBs que mais fizeram sucesso após o reality – com aqueles que poucos conhecem, como Marcela, Mara, Valter, Alan, Antonela, entre outros.

“Se deu bem, se deu mal”, dizia o refrão da música.

Leia mais: Tá no Ar satiriza Jair Bolsonaro na vila militar do Chaves e web vai à loucura

Morre ex-integrante do grupo As Frenéticas

Nas redes sociais, o quadro com As Frenéticas fez os internautas mencionarem a morte de uma ex-integrante do grupo. A atriz e cantora Edyr de Castro faleceu nessa terça (15), aos 72 anos, em decorrência de falência múltipla dos órgãos.

De acordo com as notícias, ela veio a óbito no Hospital Lourenço Jorge, onde estava internada para tratar um quadro de pneumonia. Além disso, a artista morava no Retiro dos Artistas e lutava há oito anos contra o Mal de Alzheimer.

Todavia, além do trabalho na música, Edyr se destacou na carreira de atriz, atuando em produções da Globo, bem como em novelas da Record TV.

Veja nossa crítica em vídeo:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais