Sem órgão genital, Pedro pede a Nádia que engravide de outro homem

Vilão revela que teve o órgão dilacerado após um grave acidente

Publicado há 16 dias
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O telespectador que está assistindo O Que A Vida Me Roubou pela primeira vez vai se chocar com a revelação do segredo sobre a vida íntima do vilão Pedro, personagem interpretado pelo renomado Sérgio Sendel. Pedro, o prefeito de Água Azul, fictícia cidade da história, revela a Nádia (Alejandra García), sua mulher, que não tem o órgão genital.

Ele, um homem amargo, humilha e a despreza. Nádia nunca entendeu o comportamento dele. O segredo que Pedro tanto esconde e faz dele um homem amargo principalmente com as mulheres, vem à tona durante uma conversa franca com sua esposa Nádia.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Primeiro ele que sugere que ela engravide de outro homem e que ele Pedro, crie o filho como se fosse legítimo, faz com que Nádia se revolte e exija uma explicação para tal pedido do marido.

Pedro que pela primeira vez na trama demonstrará sensibilidade, desabafa todo o seu drama para Nádia e se revela um homem ‘incompleto’. Durante sua confissão, Medina afirma que há cerca de 20 anos, sofreu um acidente enquanto pilotava uma motocicleta.

O veículo que estava em uma velocidade avançada, perdeu a direção e o jogou contra uma cerca de arame farpado que causou a dilaceração de seus testículos. Embora tenha recebido atendimento médico, ele chegou ao hospital com um quadro intenso de hemorragia e a única forma de estancar o sangue e salvar sua vida, era amputando seu órgão genital.

Assustada com a história do marido, Nádia o questiona por tê-la feito sofrer tanto tempo e não ter confiado nela para contar seu segredo. Pedro que arrasado ao expor seu drama, confessa ter escondido tudo, pois temia que se alguém descobrisse pelo que ele passou, o mesmo não conseguiria se casar e dar entrada na tão sonhada carreira política.

Confira um trecho da cena:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais