Segundo Sol: Zefa surpreende e escolhe Roberval a Severo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Segundo Sol, na Globo, Zefa (Claudia Di Moura) deixará todos surpresos, nos próximos capítulos. Roberval (Fabrício Boliveira) expulsou Severo (Odilon Wagner) de casa. No momento de sair, o Athayde chamará a empregada para ir com ele. Mas ela dirá que não, que ficará com seu filho, com sua família. No passado, quando o seu filho foi embora de casa, ela ficou com o vilão. Confira.

“Chegou a hora, pronto pra deixar a casa, Severo Athayde?”, perguntará Roberval. “Perdeu no paredão, foi eliminado do jogo, vai ter que deixar a casa, vovô!”, falará Rochelle. “Clemência, meu filho, não faça uma maldade dessas com seu pai!”, pedirá Zefa. “Ele fez por merecer. Saia daqui agora”, insistirá o empresário.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Beto fica emocionado ao ler carta de Luzia, em Segundo Sol, na Globo

“Ninguém vem comigo? Vou sozinho?”, perguntará Severo. “Tantas vezes lhe avisei, meu pai, nessa vida a gente colhe o que planta! O senhor nunca foi solidário, nunca teve um gesto de gentileza, uma palavra de carinho”, comentará Edgar. “A última coisa que preciso agora é de um sermão seu, Edgar! Ainda vai chegar a sua vez! E a sua, Karen, e você também vai ter o seu momento, Rochelle, por mais que puxe o saco dele! Vai chegar a vez de cada um de vocês aqui! E você, Manu, vai abandonar seu avô também?”, perguntará.

Severo se percebe sozinho

Manuela ficará em silêncio. “Já entendi, você tá do lado de Roberval também”. “Não tô do lado de ninguém, meu avô! E eu sinto muito que tudo isso teja acontecendo nessa família”, explicará Manuela. “Você vem comigo, Zefa?”, questionará Severo. “Você traiu Roberval, traiu seu próprio filho! Se essa é a decisão dele eu vou respeitar e acatar. E continuar aqui, porque eu tenho uma família pra cuidar, meu filhos e netas estão aqui e é aqui o meu lugar, eu não posso me dividir em duas partes”.

“Que decepção, Zefa!”, dirá ele. “Eu sinto muito”, rebaterá ela. “Vô, o senhor não pode ir embora desse jeito…”, afirmará Manuela. “Pra onde o senhor vai, meu pai?”, questionará Edgar. “Não sei. Não tenho pra onde ir, vou tentar vender meu relógio pra pagar por uma pensão”, responderá.

“Se quiser um teto gratuito, aqui está a chave do apartamento de Selma, a viúva daquele homem que morreu, quando o teto desabou sobre ele. Fica naquele conjunto habitacional que o senhor construiu, tá lembrado?”, questionará Roberval. Severo, então, aceitará. “Tome um troco pro buzu”, concluirá o milionário.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio