Segundo Sol: “Orgulho de ser neta da Zefa? Não quero nem que ninguém saiba disso!”, afirma Rochelle para Karen

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de Segundo Sol, Rochelle (Giovanna Lancellotti) verá Karen (Maria Luisa Mendonça) chegando das compras e questionará se pode consumir os alimentos ou se tudo pertence somente a Roberval (Fabrício Boliveira).

Leia: Segundo Sol: Laureta cria plano para Luzia não descobrir que é mãe de Valentim

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Pergunte pra ele”, falará a loira. “Eu não vou me rebaixar… Nunca vou agir como uma empregadinha dele!”, rebaterá a patricinha. “É bom repensar isso, é exatamente o que nós somos aqui: empregados do poderoso chefão. E você, então, é a neta da empregada número um dele!”, avaliará a perua.

Saiba mais: Segundo Sol: Rochelle inventa para a família que Roberval tentou estuprá-la

“Eu vou dar a volta por cima, você vai ver, vou descobrir algum podre de Roberval e fazer ele comer na minha mão!”, garantirá a víbora. “Parece que você nunca aprende com a vida, filha, tem que tirar o melhor proveito dessa experiência que a gente tá vivendo agora, aproveita esses tombos que a vida dá pra mudar, evoluir, se tornar uma pessoa melhor!”, refletirá a loira.

“Eu não tenho essa grandeza de espírito, nem quero ter, acho esses lances de autoajuda um porre!”, ironizará a megera. “Então tente descobrir uma força aí dentro de você que vai lhe ajudar a superar tudo isso, você tem sangue de escrava, de gente que sofreu horrores e sobreviveu, tem que sentir orgulho disso…”, seguirá Karen, sendo interrompida.

“Devia escrever um livro”, debocha Rochelle

“Ah, me poupe, dona Karen, faça-me o favor, demagogia pra cima de mim não, orgulho de ser neta da Zefa (Claudia Di Moura)? Não quero nem que ninguém saiba disso! Quero me casar com um homem bem rico e com sobrenome importante, que nem você casou, quem assim ia querer se casar comigo sabendo que eu tenho sangue negro?!”, disparará Rochelle.

“Gente evoluída, que não tem preconceitos, um príncipe… Como aquele ruivinho lindo da Inglaterra, que se casou com a filha de uma negra!”, exemplificará Karen. “Ah, tá, tem um príncipe desse em cada esquina, vai ser fácil achar, me arruma um!”, reagirá a jovem.

“Eu tinha esse orgulho besta que você tem, filha, essa mania de grandeza, e olha só como eu mudei depois de tudo o que aconteceu! Tou vendo a vida de outro ângulo. Você vai mudar também, Rochelle!”, insistirá Karen. “Tá até falando bonito, devia escrever um livro, um manual de ajuda pros novos pobres!”, debochará Rochelle, saindo da casa.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio