Segundo Sol: Miguel ajuda a melhorar música que Gorete recebeu do ‘espírito de Beto Falcão’

Publicado há 3 anos
Por Neuber Fischer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Segundo Sol, na Globo, Gorete (Thalita Carauta) é muito fã de Beto Falcão (Emílio Dantas). Ela não sabe que o cantor está vivo e é Miguel. Então, ela jura ter recebido do espírito do falecido, uma música que ela, junto com Clóvis (Luís Lobianco), escreveu a letra e melodia.

Ensaiando a canção, os dois não se entendem. “Mas fica só no “sal na pele”, “sal na pele”, parece que tem preguiça de escrever mais uma frase, homi!”, reclama Gorete. “E Axé Pelô, que fica só no “Axé Pelô, axé Pelô, axé Pelô” até não poder mais!?”, rebate Clóvis.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Segundo Sol: Clóvis começa a desconfiar do segredo de Dodô

Gorete fica indignada com a atitude de Clóvis. “Que blasfêmia! Como é que você pode criticar a obra prima do seu falecido irmão!? Sabe o que mais? Essa sua letra não é digna de acompanhar a melodia que Beto assoprou em meu ouvido!”, esbraveja a moça.

“Pois então ele que assopre a letra também! Pra mim deu!”, desiste Clóvis. “Clovinho, Clovinho! Desculpe se eu lhe ofendi!”, diz Gorete. “Não aguento mais esse seu fanatismo por Beto Falcão! Tudo é Beto Falcão, Beto Falcão!”, reclama o rapaz.

Desculpa mesmo! Reconheço que exagerei. Eu gostei de “Sal na pele”, falta só escrever mais uma frasezinha ou outra pra dar aquela azeitada… Vem, toca aqui comigo”, ameniza Gorete.

Miguel ouve Clóvis tocando “Sal na Pele” em Segundo Sol

Mas a música segue sem ser finalizada, até que Miguel chega e ouve Clóvis cantando e tocando a canção. “Parabéns! Muito legal!”, diz ele ao irmão. “Achou mesmo? Jura?”, questiona Clóvis desacreditado.

“Cadê Gorete? É dela essa música?”, pergunta Miguel. “A melodia é dela, quer dizer, ela diz que foi psicografada por Beto Falcão, e a letra é minha”, conta Clóvis.

Miguel acha engraçado e diz que vai ajudar a melhorar a música: “Me dá esse violão aí.” Ele muda a melodia e mostra para Clóvis, que afirma: “Ficou bem melhor assim”. “O acorde tava ruim. Acho que assim fica melhor mesmo”, diz Miguel.

Gorete chega e vê Miguel e Clóvis mudando a música. Ela não gosta e afirma: “Oxi, Clóvis, você não tá cansado de saber que foi o espírito de Beto Falcão, lá do céu, que me sussurrou essa música?! Essa melodia é intocável!”.

Miguel tranquiliza Gorete. “Relaxe! Até mesmo os espíritos podem receber uma mãozinha vez ou outra. Escute só como ficou!”.

Veja também: Segundo Sol: Remy diz a Ionan que Badu é filho de Dodô

Após ouvir a nova versão de “Sal na Pele” ela dá o braço a torcer. “É, realmente, deu uma melhorada… Quer assinar essa música com a gente, é isso, Miguel?”. “Não, não precisa”, responde Miguel. “Miguel não gosta de aparecer”, afirma Clóvis. “Você não é nenhum Beto Falcão, mas até que leva jeito pra música”, elogia Gorete.

Miguel agradece e dá um jeito de fazer Gorete para com essa história de psicografar músicas de Beto Falcão. “Bom, eu desejo muito sucesso pra vocês dois. E quer uma sugestão, Gorete? Não precisa ficar usando o nome de Beto não, você e Clóvis têm talento!”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio