Segundo Sol: Karola pede para Rosa enganar Valentim com gravidez

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Segundo Sol, na Globo, Laureta (Adriana Esteves) tem planos para Rosa (Letícia Colin) e o bebê que ela espera. Nos próximos capítulos, ao lado de Karola (Deborah Secco), ela vai pedir para que a moça engane seu próprio filho Valentim (Danilo Mesquita). A ideia é dizer a todos, inclusive falsificando exame de DNA, que a criança é do herdeiro de Beto Falcão (Emílio Dantas).

“Então, muito provavelmente Ícaro é o pai”, avaliará Laureta. “E se for, Laureta, o que que você tem com isso? Tá com ciúmes?”, rebaterá Rosa. “Vê se eu me dou ao desfrute! Mas ficaria admirada se fosse, depois de tanto que Ícaro lhe humilhou…”, insistirá a cafetina. “Esse filho pode ser de muitos homens, afinal, como Karola adora dizer, eu não passo de uma quenga”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Edgar pede tempo para Cacau e ela dá um tapa na cara dele, em Segundo Sol, na Globo

“Chega disso, Rosa, achei que a gente já tinha se entendido. Vou lhe dizer, tô até decepcionada desse filho não ser de Valentim, ele ama você, acho que seria maravilhoso pra ele ser pai, formar uma família… Faça isso, Rosa, diga ao Valentim que ele é o pai!”, afirmará Karola.“Como assim, Karola, por que eu faria isso? Você quer que eu engane o Valentim?”.

Karola incentiva a mentir

“Você não gosta dele?”, perguntará a vilã. “Claro que eu gosto”. “Eu conheço meu filho, Rosa, ele é apaixonado por você, vai ficar de quatro se você disser que tá grávida dele!”. “Eu acho perfeito! Rosa sabe que sempre achei que ela devia casar com Valentim…”, dirá Laureta. “Qual é o plano de vocês duas agora? Que vantagem vocês levam nisso, não tô entendendo… querem o que?”, perguntará Rosa.

“Se somos parceiras, Rosa, e agora tamos construindo uma amizade, ninguém melhor que você pra ter um filho de meu filho…”. “Vocês tão malucas… eu não vou fazer isso, basta um teste de DNA pra ele saber que é mentira”, pontuará a irmã de Maura. “Isso você deixa comigo, tenho meus esquemas!”, tranquilizará Laureta.

“Já me chamaram de “Lauretinha”… Agora vocês tão querendo me transformar numa Karolinha, que mente, engana todo mundo, tão querendo que eu seja igual a vocês”, reclamará. “Você já é igual a nós, querida…”, afirmará Laureta. “Não sou!”, rebaterá Rosa. “Claro que é, é uma mistura de mim e de Laureta! É ambiciosa, gosta das melhores coisas que só o dinheiro pode comprar”, insistirá Karola.

“E é esperta. Eu sei que nessa cabecinha aí você já tá calculando tudo que pode lucrar se topar essa jogada, e tem muito a lucrar, ainda mais com um filho na barriga, não tem trunfo maior!”, dirá Laureta. “Vai dizer que prefere ser mãe solteira? Já é difícil criar uma criança, ainda mais sem pai… O tal do Ícaro é um rapaz perturbado, e ainda por cima, morto de fome. Pense que lindo, Rosa, você com Valentim e seu filhinho, seria um sonho!”, pontuará Karola.

Imóvel tentador

“Eu não vou entrar nessa”, falará a filha de Agenor. “Já sei o que você tá pensando: ‘o que é que eu levo com isso?’. E eu lhe respondo: além de um pai pro seu filho, o cara que você ama, e que lhe adora, uma vida estável, digna… vai levar um belo apartamento em Ondina, de frente pro mar!”, falará Laureta.

“Um apartamento, claro, acho justo…”, dirá Karola. “De papel passado. Quando o pequeno herdeiro nascer, você vai direto pra sua própria casa começar uma vida de sonho com seu príncipe encantado, numa união abençoada pela sua sogra, e da qual eu devo ser a madrinha, evidentemente!”.

“Vocês são loucas”, comentará Rosa. “O que mais você pode querer da vida, Rosa!!?”, perguntará Karola. “Não me decepcione, minha flor… tenho certeza que você vai aceitar”, dirá Laureta. “Nunca!”, baterá o pé. “Nunca diga nunca! Vou lhe dar um tempo pra pensar… até amanhã”, pressionará Laureta. “Vou tar lhe esperando lá em casa, Rosa, pra dar a notícia a meu filho. Quero estar junto de você, ver a alegria dele!”, comentará Karola.

“Não tô acreditando que a gente fez uma proposta porreta dessas pra essa quenga dos infernos, e ela ainda deu uma esnobada…”, dirá Karola. “Calma, a gente fez a nossa parte. Se Rosa ceder, vai tar na nossa mão pra sempre, nunca mais vai poder lhe chantagear”. “Mas precisava do apartamento de frente pro mar?!”, perguntará Karola. “Não há nada que a gente não possa tomar depois de dar. Seja bem boazinha com ela, Karola, escute o conselho da Lau, abrace seu inimigo! Mas abrace com força, pra ele não escapar!”, concluirá Laureta, maquiavélica.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio