SBT corrige erro do passado e exibe beijo gay em novela vespertina

Publicado há 10 meses
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após quase 10 anos da transmissão do primeiro beijo entre pessoas do mesmo sexo, em Amor e Revolução, o SBT mostrou que está disposto a consertar erros de um passado recente ao optar, na tarde desta segunda (2), pela exibição do beijo entre os personagens Fabio (Mauricio Henao) e Hugo (Héctor Suárez Gomis) em Betty a Feia em NY.

O episódio ocorre após dois momentos lamentáveis onde em 2014 o SBT transformou um casal gay da novela Sortilégio em héteros. Na ocasião, os diálogos foram alterados e, enquanto na versão original os dois rapazes trocavam carícias e palavras de amor, na versão do SBT, através de dublagem, o assunto entre eles eram mulheres e a forte amizade.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Julián Gil e Marcelo Córdoba em cena de Sortilégio (Reprodução: SBT)

O segundo momento veio em Que Pobres Tão Ricos, de 2017, quando a emissora simplesmente desapareceu com o casal gay da trama e deixou a novela sem pé nem cabeça. Quando exibida no México, o casal homo afetivo causou polêmica, e os executivos da Televisa inclusive barraram um beijo na boca entre os dois, que chegou a ser escrito e gravado, mas jamais foi ao ar. Mesmo assim, Diego e Eric são considerados dois dos personagens mais importantes do folhetim.

 Diego e Eric  viveram romance em Que Pobres Tão Ricos (Reprodução: SBT)

O único e respeitável episódio envolvendo gays na dramaturgia do SBT, veio com a trama de Tiago Santiago. Como citado acima, Marcela e Marina, personagens de Luciana Vendramini e Giselle Tigre, se beijam intensamente na trama sobre os “anos de chumbo”.

Confira o beijo gay de Amor e Revolução:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio