Saiba quando Marjorie Estiano assume o lugar de Drica Moraes na edição especial de Império

Atriz volta a interpretar a vilã Cora na trama de Aguinaldo Silva

Publicado em 20/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Falta pouco para o público da edição especial de Império voltar a conferir um dos momentos mais esperados da saga de Aguinaldo Silva: o ‘rejuvenescimento’ da vilã Cora. Interpretada por Drica Moraes desde o início da segunda fase da trama, a personagem voltará a ser vivida por Marjorie Estiano, que já a havia desempenhado no prólogo da obra.

Na exibição original de Império, o retorno da protagonista de A Vida da Gente ao papel de Cora aconteceu no capítulo de número 120, transmitido em 6 de dezembro de 2014. Já na atual reapresentação, a sequência está prevista para ir ao ar entre os dias 2 e 3 agosto, nos episódios 97 e 98.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A mudança de intérprete da vilã será vista pelo público no momento em que José Alfredo (Alexandre Nero) for encontrá-la em um quarto de hotel, onde lhe prometeu uma noite de amor. Lá, o marido de Maria Marta (Lília Cabral) ficará estarrecido ao encontrar a tia de Cristina (Leandra Leal) com a aparência de 30 anos atrás.

Que merda está acontecendo aqui? Eu fiz uma viagem no tempo? Passei na porta e voltei com 22 anos?“, pergunta o Comendador, sem acreditar no que vê. “Coisas estranhas acontecem“, responde Cora, misteriosa. “Que brincadeira é essa? Quem é você?“, insiste o ricaço, começando a se preocupar.

Atualmente Cora – na imagem, diante de José Alfredo (Alexandre Nero) – é interpretada por Drica Moraes em Império (Reprodução/Globo)

Eu sou quem sempre te amou! Se guardou pra você!“, responde a irmã de Eliane (Vanessa Giácomo / Malu Galli). José Alfredo, então, conclui que tudo só pode ser uma brincadeira da vilã e começa a procurar a ‘verdadeira’ Cora pelo quarto. A moça que o recebeu, porém, garante que é, sim, Cora.

Ela sou eu! Rejuvenescida! Por você! Exatamente como antes, lembra? Agora chega, José Alfredo! Vamos passar por cima desse detalhe sórdido que a gente tem tarefa mais importante, grandiosa! A nossa noite de amor!“, recorda a (agora outra vez) jovem.

Entenda o caso

Incluída sem nenhuma explicação no enredo de Império, a ‘volta ao passado’ de Cora foi motivada por uma urgência dos bastidores do folhetim. Ainda com a saúde fragilizada pelo tratamento contra a leucemia que enfrentou em 2010, Drica teve de se afastar das gravações por conta de uma faringite, que logo se agravou e a tirou definitivamente da novela.

Sofri uma falta de voz, uma fonia aguda e não consegui mais comparecer às gravações. Tirei uma semana de descanso mas, mesmo assim, a voz não voltava“, recordou a atriz de 51 anos, em entrevista recente ao portal Notícias da TV.

Como Cora era considerada um personagem fundamental na trama, Aguinaldo Silva concluiu que não poderia abrir mão dela sem prejudicar seriamente a narrativa. A solução encontrada, portanto, foi ‘devolver’ o papel a Marjorie Estiano, que o havia interpretado na primeira fase da obra.

Substituir Drica por outra atriz da mesma faixa de idade seria a opção menos imaginosa e eu nunca pensei nela. Se é para tomar uma atitude tão radical, tem que ser radical mesmo, pois ser radical em termos de ficção é a principal qualidade da novela“, explicou o novelista, em entrevista concedida à época ao jornal Extra.

Pensei: ‘O que Janete Clair faria numa situação dessas?‘. E concluí que ela chamaria Cora jovem, ou seja, Marjorie Estiano, e não daria maiores explicações – estas se tornariam supérfluas com o decorrer da novela”, acrescentou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio