Rogério descobre que Marquinho é seu filho: “Do meu próprio sangue!”

Publicado há um ano
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A revelação mais esperada já tem data para acontecer em A Que Não Podia Amar. No capítulo da próxima segunda-feira (5), Rogério (Jorge Salinas) finalmente descobrirá que é o pai biológico de Marquinho (Juan Bernardo Flores), o menino a quem pretendia adotar junto a Ana Paula (Ana Brenda Contreras).

Será Maria (Ana Martín) a responsável por trazer essa verdade à tona. Ela encontrará por acaso, entre as coisas de Elias (Fabián Robles), a carta que a mãe de Marquinho deixou com Ulisses (Germán Gutiérrez) antes de desaparecer e ficará chocada com o conteúdo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Não dá pra acreditar! O Marquinho tem um pai! E esteve perto dele durante todos esses anos… O Rogério precisa saber disso!”, exclama a empregada. Ela esconde a carta e pede a Hugo (Uriel del Toro) que entre em contato com Rogério com urgência por meio de seu celular.

“Rogério, você não vai acreditar! Mas estou nesse momento com a carta de que o Ulisses te falou. Você precisa saber o que ela diz!”, diz Maria ao patrão, empolgada. Ela então lê tintim por tintim do bilhete, no qual a falecida mãe de Marquinho deixa claro que o menino é fruto de uma relação fortuita com Rogério.

“Essa carta prova que o Marquinho é meu filho. Um filho do meu próprio sangue!”, exclama o vilão em redenção, diante de Ana Paula, que também fica chocada com o inesperado parentesco entre seu marido e o filho a quem pretende adotar.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais