Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
nova voz

Revelações Brasil consagra cantora carioca Teka Balluthy

Grande final do talent show da TV Aparecida foi ao ar na última quarta

Publicado em 24/06/2021
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Nesta quarta-feira (23), a TV Aparecida exibiu a grande final de Revelações Brasil. A disputa musical comandada por Amanda Françozo consagrou a cantora carioca Teka Balluthy. A artista, que competiu com mais três finalistas, foi eleita pelo júri do programa formado pelo maestro Rodrigo Costa e as cantoras Adryana Ribeiro, Thaeme e Gilmelândia.

Teka Balluthy, que foi backing vocal da cantora Anitta, fez duas apresentações na noite. Ela interpretou as músicas “Dona de Mim”, de Arthur Marques e gravada pela cantora Iza, e também “No More Drama”, de Barry De Vorzon, James Harris, Perry Botkin, Jr. e Terry Lewis.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A jovem, que é do bairro de Vargem Grande, Zona Oeste do Rio de Janeiro, já faz planos para o horizonte que se abriu para ela. “Acho que os próximos passos são acreditar, acreditar e continuar investindo em mim como pessoa e como artista. Eu quero poder fazer alguma coisa pelas pessoas e acho que a música é o caminho. Eu me questiono muito sobre o que faço no mundo, e acho que é isso”, revela Teka.

“Eu luto contra a depressão, então, pra mim é uma questão de vida. Às vezes, tenho dificuldade de entender o que eu estou fazendo aqui, sabe? E a música me dá sentido pra viver. Às vezes, estou muito mal, e a primeira coisa que faço é cantar uma música. Quando eu canto, entendo meu sentido (…) porque a música me faz bem… Por isso, vencer o Revelações me faz perceber que posso fazer isso por outras pessoas”, conta.

Além do título e do troféu de “Melhor Voz”, a artista vai receber da produção os seguintes prêmios: 1 Moto 0KM Yamaha – Modelo FZ 25, 1 Bateria D One Street, 1 Violão Elétrico Takamine G Séries,1 EP com 4 faixas produzido pelo maestro Rodrigo Costa e 1 videoclipe com produção da TV Aparecida.

Grande final

Na última noite dessa temporada do Revelações Brasil, Teka e os outros três finalistas — Viviane Leitão, de Campinas (SP), Lukas Hipólito, de Paranaíba (MS) e Lucca Rodrigues, de Sericita (MG) — cantaram juntos “Isto Aqui o que É”, clássico de Ary Barroso.

E depois cada um fez as suas apresentações individuais, acompanhado por backing vocals e pela banda da TV Aparecida. Nos bastidores, a repórter Juliana Luz entrevistou os familiares dos candidatos.

Amanda Françozo

Nessa trajetória de quase três meses no ar, o Revelações Brasil recebeu no palco da TV Aparecida, candidatos de várias cidades brasileiras, que cantaram diversos estilos musicais. Com a sensação de dever cumprido, a apresentadora Amanda Françozo fala do encerramento de sua terceira participação no projeto.

“O Revelações evoluiu muito em tudo: cenário, iluminação, a gente abrir para outros estilos musicais trouxe muita vida ao programa. Eu sou suspeita, eu amo o segmento sertanejo, mas também teve sertanejo, então, a gente não abandonou um segmento que já é muito particular aqui na casa. A gente abraçou o sertanejo, mas também abraçou tudo, o rock, o pop, o samba, internacional, cada um cantou o que quis aqui, mostrou a sua verdade, a gente teve muitos, muitos talentos vindos de todos os cantos do Brasil, então, eu acho que essa terceira temporada foi histórica para a gente e para a TV Aparecida”, conta.

Sobre a campeã, Amanda Françozo conta que já previa que ela iria longe na disputa. “O primeiro dia que a Teka entrou aqui eu não sabia se ela ganharia, mas eu tinha certeza que ela iria para a final. Ela é muito descolada, ela é uma artista pronta, se posiciona no Instagram, tem Tik Tok, ela é sucesso nas coisas que faz, tem uma presença de palco surreal… ela arrepia quando está cantando, é impecável na afinação e é compositora, então, ela engloba tudo. Ela não erra. (…)”, elogia.

O júri fala

A busca por um novo talento pela TV Aparecida começou no mês de abril com 45 candidatos, selecionados pela produção. A cada fase, o número de candidatos afunilava com a avaliação dos jurados fixos Rodrigo Costa e Adryana Ribeiro, bem como os que revezaram na cadeira rotativa: Thaeme, Gilmelândia, Frank Aguiar e a dupla Rick e Renner.

Na avaliação técnica sobre a vencedora do Revelações, o maestro e produtor Rodrigo Costa é muito otimista. “A Teka é uma cantora pop, um soul pop meio Tim Maia, meio Sandra de Sá. Eu acho que a gente vai conseguir explorar tanta coisa bonita… Eu acho que vai ser bem legal, estou bem ansioso, a cabeça já começa a funcionar aqui; eu acho que vocês vão ter uma grande surpresa”, diz ele.

Thaeme, que está grávida de sua segunda filha, dá a sua impressão pessoal sobre o programa. “Estou muito orgulhosa de estar aqui e fiquei muito feliz de ter assistido a esse espetáculo maravilhoso que a TV Aparecida proporcionou. Eu nunca tinha visto nada igual pessoalmente assim, e olha que eu já assisti a muitos shows”.

A também jurada Adryana Ribeiro lamenta que nem todos os candidatos puderam chegar à Final. “A gente viu tantos talentos e eu queria que todos eles estivessem aqui com a gente [na Final]. Então, foi um grande privilégio poder estar nesse programa e assisti-los”.

E Gilmelândia enaltece o talento de todos os participantes. “Meu Deus, que programa de primeiro mundo, que coisa linda… e quando eu vi esses artistas, para mim não são calouros, são artistas completos, eu disse ‘Meu Deus!’ Eu aprendi com cada um deles”.

Perfil da campeã

Teka Balluthy é do bairro de Vargem Grande, no Rio de Janeiro (RJ). Adotada por uma família ainda recém-nascida, seus pais de coração faziam parte da pastoral do batismo e desde cedo lhe ensinaram a fé. Mas foi a música que a aproximou ainda mais de Deus.

Logo que Teka entrou, pela primeira vez, na paróquia Nossa Senhora da Guia, próxima de sua casa, no Rio de Janeiro, ela notou o som de uma música e uma paz que só encontrava lá. É formada em artes cênicas, estudou cinema, cantou em bares, foi backing vocal da cantora Anitta, e garçonete/cantora em restaurante, participou de uma peça que rodou o País, chamada “Rio mais Brasil”, e virou compositora.

Mas aos 24 anos uma depressão a afetou e foi no Santuário de Aparecida que a artista procurou ajuda. E após muitos tratamentos, orações e o apoio da família, a música lhe tirou do quadro depressivo. Desde então, ela usa a arte e a música como instrumentos para motivar as pessoas e mostrar que existe uma saída.

Teka, cujo sonho é transformar a vida das pessoas através da música e poder viver dela, interpretou as seguintes músicas no Revelações Brasil: “Tente outra vez”, “Girassol” e “Olhos Coloridos”.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....