Repórter e cinegrafista da Globo são ameaçados durante reportagem em estação paulista

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na edição desta terça-feira (6) do SPTV, informativo da TV Globo que é exibido na capital paulista, a repórter Cinthia Toledo realizou uma matéria na estação Perus, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), e viveu uma situação complicada.

Leia: Repórter Tiago Scheuer comete gafe e troca nome de âncora três vezes no SPTV

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um trem da estação enfrentou uma falha mecânica e enquanto a profissional entrevistava algumas pessoas, seguranças se aproximaram e o chefe deles disse que a produção não estava autorizada a fazer aquelas imagens.

Saiba mais: Escalada ao vivo do SPTV falha e surpreende Carlos Tramontina; assista

“Você tá forçando já… Nós vamos quebrar esse equipamento aí”, ameaçou o homem. Depois, seguranças inesperadamente começaram a empurrar o cinegrafista que estava junto com Cinthia e quando a jornalista começou a usar o celular para filmar a confusão, o chefe tirou das mãos dela o aparelho.

Contudo, o equipamento só foi devolvido após a assessoria de imprensa da CPTM entrar em contato com os responsáveis pela estação. Sérgio de Carvalho, gerente de relacionamento da companhia, criticou o comportamento dos profissionais.

“Nós estamos apurando a ocorrência, os empregados já foram afastados das suas funções até que a gente possa concluir esse processo e adotar a medida disciplinar que cabe na situação relatada”, declarou, enfim, Carvalho.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio