Repórter da Globo é assaltado no interior da Bahia e quase morre incêndiado

Publicado há um ano
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O repórter Jony Torres, da TV Bahia, afiliada da Globo em Salvador, passou por momentos assustadores na noite desta última segunda-feira (17). O jornalista foi vítima de um assalto na cidade de Acajutiba, que fica a 182 km da capital do estado, Salvador. Ele teve seu carro incendiado quando ainda estava dentro dele, mas conseguiu escapar de algo pior.

Jony estava na cidade porque visitava sua família. Quando chegava no local, ele foi abordado por três criminosos, que anunciaram o assalto. Além do carro, eles queriam o celular de Jony. O jornalista não pôde entregar porque deixou o aparelho em casa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Revoltados, eles colocaram o jornalista na mala do carro e atearam fogo com Jony ainda no veículo. Ele conseguiu escapar antes do carro ficar totalmente queimado. O caso foi registrado na delegacia da cidade de Esplanada, que atende a região onde pertence Acajutiba.

Entretanto, em entrevista para a Rádio Metrópole, de Salvador, Jony afirmou que a violência do assalto aumentou porque ele foi confundido com um policial militar. Ele também contou que estava na cidade sem se programar, apenas por sentir saudade dos pais.

“Não era para eu estar lá”, diz repórter da Globo

Contudo, ele explicou. “Os caras acharam meu rosto conhecido e um deles, que parecia ser adolescente, achou que eu era policial. Aí me colocaram na mala do carro. Me bateram e ficaram indignados, pois eu estava sem celular. Foi mais agressão psicológico do que física. Fui sem me programar. Não era para eu estar lá”, desabafou o jornalista.

Porém, o jornalista elogiou o trabalho da Polícia Civil e Militar da localidade. Segundo o mesmo, já existem diligencias para encontrar os bandidos que cometeram a violência. “Eles foram muito competentes, prestativos. Hoje já fizeram varias diligências”, afirmou o jornalista. Já nesta terça (18), ele retornou para Salvador.

Vale ressaltar que Jony Torres trabalha na TV Bahia com pautas mais leves. Todavia, ele não deve trabalhar nos próximas dias, por conta da violência que sofreu.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio