Relembre os políticos corruptos que ganharam destaque nas novelas

Publicado há 4 anos
Por Leandro Lel Lima
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os fãs dos folhetins logo esperam cenas de romance com pitadas de humor e um pouco de vilania, certo? Certo, mas tem outro tipo de vilão que assombra os folhetins e também a vida real dos brasileiros…os políticos!

Na atual trama das 21h, A Lei do Amor, fomos contemplados com dois: Arlindo Nacib e César Venturini. Esses trabalhadores do povo querem muita grana e vida fácil usando-se de artifícios ilícitos como fraudes, laranjas, entre outros atos tão conhecidos da maioria dos eleitores.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Listamos os políticos corruptos que marcaram época e fizeram escola na TV:

Em O Bem-Amado, 1973, Odorico Paraguaçu, Paulo Gracindo, é o prefeito de Sucupira. O gênio tinha como meta construir um cemitério onde ninguém morria…

Paulo Gracindo em O Bem-Amado, 1973. (Globo/Cedoc)

Prestes a voltar ao ar no Vale A Pena Ver de Novo em 2017, Reginaldo,  Du Moscovis, de Senhora do Destino, 2004, foi capaz de envolver até a mãe em um ato corrupto. Seu final foi trágico.

Reginaldo contava com o apoio da amante e do pai, personagens de Letícia Spiller e Zé de Abreu (Memória Globo)

Félix Guerreiro de Porto dos Milagres, 2001, explorava os moradores da cidade. Na trama de Aguinaldo Silva e Ricardo Linhares, o político enfrenta o pescador Guma, Marcos Palmeira, seu sobrinho, nas urnas. E perde.

Antonio Fagundes em Porto dos Milagres (Globo)

Ypiranga Pitiguary, Paulo Betti, na novela A Indomada, 1997, é típico político pau mandado do sogro, Ary Fontoura, outro político corrupto. Ypiranga era bem “criativo” em suas funções.

Paulo Betti e Betty Faria em A Indomada (Memória Globo)

Florindo Abelha, Ary Fontoura, prefeito de Asa Branca, Roque Santeiro, 1985, apenas assinava os desmandos de Sinhozinho Malta, Lima Duarte.

Ary Fontoura em Roque Santeiro (Memória Globo/Cedoc)

Em Gabriela, 2012, de Walcyr Carrasco, Ramiro Bastos, Antonio Fagundes, é um típico coronel do sertão. Ele não admite adversários.

Cena de Gabriela, 2012, com Antonio Fagundes (Gshow)

No remake de Saramandaia, Zico Rosado, Zé Mayer, ganhou o título do prefeito mais corrupto da região de Bole-Bole, cidade fictícia.

Lugar de político é no palanque… (Globo/Gshow)

Político e empresário: Bonifácio, Cássio Gabus Mendes, de Lado a Lado, 2012, é um senador que trabalha muito por seus negócios…

Cássio Gabus Mendes em Lado a Lado (João Cotta/TV Globo)

Em A Favorita, trama de 2009 de João Emanuel Carneiro, Leonardo Medeiros é Elias um prefeito visto como honesto, mas o político emprega as duas esposas (Giulia Gam e Helena Ranaldi, na administração e ainda dá uma surra em uma delas, Denina, Helena Ranaldi, ao descobrir que ela mantinha um caso com seu amigo, Damião, personagem de Malvino Salvador.

Helena Ranaldi e Leonardo Medeiros (Zé Paulo Cardeal/TV Globo)

Na trama de Maria Adelaide Amaral e Vicent Vilari, Arlindo e Venturini não medem esforços para corromper os mais próximos. A mulher do senador já revelou podres do seu amado. Já o deputado é cassado pela justiça e ainda sim foi eleito.

Arlindo (Mauricio Machado) e Venturini (Otávio Augusto) são os atuais corruptos da TV (Gobo/Gshow)
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio