Relembre o previsível final de Eva em A Vida da Gente

Ana e Manu são "adotadas" por Iná

Publicado em 16/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O último capítulo de A Vida da Gente reserva muitas emoções para o público. A atual reprise das 18h entrou na reta final e acaba em agosto. Mesmo já sendo exibido, poucos se lembram do final de Eva (Ana Beatriz Nogueira), considerada uma das grandes vilãs da trama.

A mãe de Ana (Fernanda Vasconcellos) e Manuela (Marjorie Estiano) causou muitos conflitos durante a história, tanto com as filhas quanto com sua mãe, Iná (Nicette Bruno). Por muitas vezes intragável, Eva terá um momento de “redenção” na novela, mas nada surpreendente. O final de Eva é bem previsível e será narrado por Iná.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após a cirurgia de Manu e Júlia (Jesuela Moro), Eva decide visitar sua filha mais velha no hospital. Ela deixa Manu impressionada ao levar uma sopa de abóbora, um de seus pratos prediletos. Mas, mesmo desejando melhoras, a vilã solta alguns comentários ácidos, dizendo que seu ato foi influenciado por Ana, a filha que ela mais gosta.

Com a despedida de Eva, Manu comenta. “Até quando ela tenta ser gentil, ela tem que dar uma estocada”, afirma, para a irmã e para a avó. As três conversam sobre a megera e Iná faz uma bela descrição da filha.

A nobre senhora relata que pessoas como Eva dificilmente mudam, por mais que o tempo passe. Por isso, a melhor alternativa é ignorá-las. “Sua mãe vai sempre assim. Não vai haver melhora”, destaca.

Ana questiona e diz porque pessoas assim nunca são punidas. Iná explica. “Ela nunca aprende coisa alguma. Mas paga a conta o tempo todo. Imagina ser a Eva vinte quatro horas por dia… Imagina estar na pele dela. Gente feito ela é punida diariamente, porque está sempre em guerra. Se defendendo ou atacando. Nunca está em paz”, pontua.

As três concordam que não dá para excluir Eva totalmente de suas vidas, mas só contarão a ela o que for indispensável. Sendo assim, Eva termina sozinha, convivendo com seus dramas, deixada de lado até por sua família. Já Iná se torna a grande mãe que as meninas sempre consideraram.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio