Record começa a produzir nova temporada de A Casa, que dará nova chance a ex-participantes

Publicado há 3 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Record começou a produzir nesta semana a segunda temporada de A Casa, reality que novamente será apresentado por Marcos Mion, e que sofrerá algumas mudanças em relação ao que foi exibido em 2017.

Uma das novidades é uma espécie de “nova chance”, algo parecido com o que aconteceu recentemente em A Fazenda, mas reduzido a participantes da primeira temporada do programa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Nova temporada de A Casa já tem data para estrear na Record

Para escolher os novos velhos conhecidos do programa, uma votação no site oficial da Record será feito. Os vinte melhores serão convidados a voltar. No entanto, eles podem aceitar ou não o convite.

Outra novidade, esta já muito falada pela imprensa e pela própria Record, é que A Casa será diária e ao vivo, de domingo a domingo. A ideia é reforçar como viver no programa é uma experiência difícil.

A Casa é baseada no formato holandês Get The F*** Of My House. Nele, 100 pessoas são convidadas a morar numa pequena casa onde cabem apenas 4 pessoas com conforto. Além disso, a comida e a água também é fracionada.

A pequena casa, por exemplo, só tem quatro quartos e dois banheiros. Toda semana, ela ganha um líder e ele é quem decide quem sai do programa.

O prêmio máximo é de R$ 1 milhão, mas ele é diminuído ao ponto em que os participantes gastam dinheiro para comprar mantimentos. O que sobrar do prêmio é dado ao vencedor. A previsão de estreia de A Casa 2 é para meados do fim deste primeiro semestre.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio