Rafael Cortez confirma stand-up ‘leve’ e espaço aberto para jovens em seu programa na TV Cultura

Atração que estreia dia 20 tem estudantes de jornalismo na produção

Publicado em 18/11/2021 17:19
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Rafael Cortez estreia à frente do Matéria Prima, o novo programa na TV Cultura, no sábado, dia 20 de novembro, às 20h. Conhecido por seus trabalhos com stand-up comedy e como repórter do CQC (Band), o apresentador volta às origens, uma vez que é formado em jornalismo, mas sem se esquecer de sua veia humorística.

Em coletiva de imprensa realizada na tarde desta quinta-feira (18), o comediante e músico afirmou que esse é o melhor momento para apresentar o programa. Ele explica que em 2012 sugeriu o formato para a Band, mas acabou não indo para a frente.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu naquela ocasião achava que tinha rolar, mas não era a pra ser. Eu ainda tava muito refém da comédia com um DNA quase rebelde, que eu tinha no CQC. Se eu fizesse o programa naquela época, ele não ia ter sustentabilidade. Agora estou com 45 anos de idade e 13 anos de TV, e agora tudo está ajustado. A cabeça tá no lugar, o ego tá no lugar e as piadas estão no lugar”, declara Cortez.

Animado com a estreia, ele garante que terá stand-up no Matéria Prima, porém, seguindo uma linha mais leve do que a que costuma-se ver na programação da TV e dos palcos hoje em dia. “Estou fazendo um stand-up no Matéria Prima onde eu consigo rir com as pessoas, junto com as pessoas de situações que todo mundo pode rir“, explica o apresentador.

Ele é incisivo que a proposta de humor em seu programa não é ‘rir de alguém’. “Há comédia sim, quem espera se divertir no Matéria Prima, vai se divertir. Mas eu aprendi que tem piadas que funcionam, e as que não funcionam. E que é muito importante ouvir, quero ouvir meus convidados”, expõe Rafael Cortez.

Programa para o jovem

Além disso, Cortez pontua que a atração será um espaço aberto para os jovens. Como forma de incentivar esse processo, ele buscou incluir universitários que cursam comunicação social e também recém-formados para atuarem na produção do programa.

Em todos os episódios vão ter momentos em que os estudantes estão fazendo perguntas. Os estudantes que tocam na banda do Matéria Prima são todos adolescentes, são teenagers, de todos os tipos. É um lugar para a fala do jovem. Eu que não sou mais tão jovem estou aqui também pra ouvir e administrar o humor”, pondera o ex-CQC.

O nome do programa, Matéria Prima, já é figurinha carimbada na emissora. Nos anos 90, era esse o nome da atração apresentada por Serginho Groisman. “Tá presente na memória afetiva de muita gente. Existia na TV Cultura. Mas agora está totalmente repaginado e graças ao talento e à perseverança do Rafael”, diz o diretor de programação da TV Cultura, Enéas Carlos Pereira.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio