Marcius Melhem fala sobre mudanças na TV aberta

Publicado há 2 anos
Por Redação
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O ator e comediante Marcius Melhem conta que virou ator por acaso: ele cursava jornalismo na PUC-Rio quando foi convidado por amigos a acompanhar uma aula de teatro, aos 19 anos. Da mesma forma o comediante se viu agora na função de executivo, como responsável pelos projetos de humor da TV Globo.

No cargo desde setembro, Melhem, que continua escrevendo e atuando, contou em entrevista ao jornal O Globo sobre projetos futuros e sua visão sobre o papel do humor na sociedade. “…topei pela possibilidade de frequentar reuniões de comitê, de grade, de orçamento, que impactavam meu dia a dia, mas eu não tinha acesso. E aí eu achei que isso ia me dar uns 20% a mais de trabalho e me deu 220%”, revela.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia também: No Altas Horas, Marcius Melhem fala sobre abordagem dos fãs: “Me puxam no meio da corrida”

Sobre outras mudanças com o novo cargo, Melhem disse que evita falar essas coisas porque seria muito presunçoso de sua parte dizer o que ele ajudou a fazer. Sobre a mudança do público na TV aberta, Marcius disse: “O público muda todo dia, a TV muda todo dia. Desde que a gente está fazendo o “Zorra” e o “Tá no ar”, já é o terceiro presidente, com partidos diferentes. A gente tem que mudar junto e ficar em sintonia com a sociedade. O “Isso a Globo não mostra” (quadro de humor do Fantástico), por exemplo, foi uma tentativa ousada de tentar fazer um produto que ressignifica muito do que é exibido, sem que ninguém te explique”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais